Nesta quinta-feira 22 de novembro, completa 2 anos que houve o incêndio do MERCADO DE ARTES. O empreendimento servia a cerca de 50 famílias, em sua maioria pessoas de poucos recursos, em sua maioria pessoas de mais de 60 anos.

Além de ser o único ganha pão de muitos, também servia como terapia para muitos idosos. O processo desenvolvido pela gestão atual é desumano. A atual gestão jamais fez um cadastro das pessoas envolvidas, jamais marcou uma reunião com as pessoas prejudicadas para saber de suas necessidades, dores e desejo de soluções.

Este povo prejudicado PRECISA de nossa SOLIDARIEDADE. Amanhã a partir das 10 horas IPIRÁ NEGÓCIOS e CABORONGA NOTÍCIAS estarão em frente ao MERCADO DE ARTES. Queremos ouvir a sua voz de SOLIDARIEDADE e PROTESTO. Na qualidade de cidadãos conscientes e solidários não podemos deixar a data passar em branco. Compareça e deixe seu protesto.