A população do município de Ipirá, distante 202 km de Salvador, foi surpreendida com o a publicação do Decreto Nº 129 no Diário Oficial do Município, onde no documento oficial, o prefeito Marcelo Brandão (DEM) decreta Situação de Emergência no município de Ipirá.
O decreto que entrou em vigor na data da publicação, tem a validade de 180 (Cento e oitenta dias). Até o dia 29 de dezembro deste ano.

O que mais estranhou a população foi o decreto ser publicado justamente no período em que o município está sendo beneficiado com as chuvas de inverno. No mês de abril onde a seca estava em sua fase mais aguda, os quinze municípios do Território da Bacia do Jacuípe decretaram situação de emergência, excerto o município de Ipirá.

No mesmo mês o município foi contemplado com a chuva de final de verão. Só que, as precipitações não atingiram nem 30%no município que tem uma extensão territorial em torno de 3.900 quilômetros quadrados.

Também no mês de abril o município de Ipirá realizou uma grande micareta e agora no mês de junho voltou a realizar mais uma grande festa de São João. Foram gastos com as duas festar, aproximadamente dois milhões de reais. Resta saber como os governos Estadual e Federal vão acatar este pedido.

O município não tem água suficiente para abastecer a zona rural até a chegada do período das trovoadas no final do ano, já que vem enfrentando uma seca há quase cinco anos, que praticamente secou todos os reservatórios. Isso quer dizer que, a partir do mês de agosto a população da zona rural voltará a ser abastecida através da Operação Carro Pipa do Exército.

Caboronga Notícias