O levantamento do Instituto Paraná Pesquisas, em parceria com o Bahia Notícias, ainda verificou o potencial eleitoral dos dois principais nomes colocados até aqui na disputa pelo governo da Bahia em 2022, ACM Neto (DEM) e Jaques Wagner (PT). Enquanto o ex-prefeito de Salvador tem a possibilidade de voto de 43,2%, o ex-governador tem uma “rejeição” de 44,7% dos eleitores.

A pesquisa apresentou cinco opções para cada um dos dois nomes. ACM Neto tem 32,4% no tem “votaria nele com certeza”; 43,2% no item “poderia votar nele”; e 20,8% “não votaria nele de jeito nenhum”. Apenas 2% dos entrevistados disseram não conhecer o ex-prefeito da capital baiana e 1,5% não soube ou não opinou.

Quando o levantamento apresentou as mesmas opções para o ex-governador Jaques Wagner, o petista tem 11,6% no item “votaria nele com certeza”; 38,7% “poderia votar nele”; e 44,7% “não votaria nele de jeito nenhum”. Wagner não é conhecido por 3% dos eleitores e 2% não souberam ou não responderam.

A pesquisa ouviu 2002 eleitores em 186 municípios da Bahia entre os dias 20 e 24 de março de 2020. A margem de erro é de 2% e o levantamento foi realizado por telefone com baianos com mais de 16 anos.

Fonte: Bahia Notícias – Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

COMPARTILHE
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •