Em uma entrevista exclusiva para o Jornal da Região, a Secretária de Assistência Social Elieide Borges falou dos programas desenvolvidos em Baixa Grande, falou das dificuldades e garantiu que não falta esforço para auxiliar quem mais precisa para garantir a dignidade e o atendimento digno a todos baixagrandense que necessitam dos serviços da Assistência Social.

Confira a Entrevista abaixo:

Jornal da Região: A Secretaria de Assistência Social tem vital importância para atender as pessoas em vulnerabilidade social, como estar sendo feito esse trabalho em Baixa Grande.

Elieide Borges: A Assistência Social trabalha com garantias de direitos dos cidadãos, através da Proteção Social Básica e Especial. Nosso papel é ofertar serviços, programas e benefícios a todos àqueles que dela necessitar, tendo como objetivo maior a proteção social integral a família e a pessoa em situação de vulnerabilidades ou risco, por meio de atendimentos coletivos, individualizados, visitas domiciliares, palestras, execução de projetos e concessão de benefícios.

Jornal da Região: Quais as principais dificuldades enfrentadas pela Secretaria de Assistência Social para atuar em Baixa Grande?

Elieide Borges: O processo burocrático para a concessão de benefícios, os recursos federal e estadual que não são repassados com regularidade, bem como, a redução dos recursos federais.

Jornal da Região: Quais os principais programas sociais que estão  em  execução no município de Baixa Grande?

Elieide Borges: Temos o Programa Bolsa Família; Primeira Infância do SUAS, conhecido como Criança Feliz; Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família – PAIF e Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV, ofertados no Centro de Referência de Assistência Social – CRAS; Serviço de proteção e atendimento especializado à famílias e indivíduos – PAEFI, ofertado no Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS.

Jornal da Região: Quais as principais oficinas e atividades que estão sendo executadas pela Secretaria de Assistência Social no munícipio de Baixa Grande?

Elieide Borges: São ofertadas oficinas de canto, pintura, crochê, atividades físicas, violão, futebol, bem  como, palestras com os técnicos de referência dos equipamentos.

Jornal da Região:  Que mensagem a Secretaria Eliede Borges para a população que precisa do trabalho da Assistência Social?

Elieide Borges: A Secretaria de Assistência Social estará sempre à disposição para que possa buscar soluções para os problemas sócio assistenciais da nossa população de Baixa Grande, me coloco à disposição diuturnamente enquanto ocupa o cargo que é de exclusividade de serviço público, a secretaria e todos os órgãos Cras creas estará sempre de braços abertos para juntos buscarmos a solução!

Entrevista concedida ao jornalista Sotnas Fontoura do Jornal da Região