Por unanimidade os garis que prestam serviços à Prefeitura de Baixa Grande por meio da MRC Ambiental pararam as atividades ao meio dia desta quinta-feira (14), sob alegação que até esta data não receberam o vencimento do mês de junho.

Os garis encontram-se na sede da empresa e não saíram para fazer o serviço de recolhimento de resíduos sólidos e nem a limpezas das ruas.

A situação dos garis foi abordada na sessão da Câmara de vereadores desta quinta-feira (14), quando a vereadora e líder do prefeito Joanita Rios (PT), disse que empresa está pendente com uma certidão, o que impediu a prefeitura de fazer o repasse do recurso referente ao mês de junho.

A MCR Ambiental e até o momento não se pronunciou sobre o assunto. A situação é preocupante até mesmo pelo acúmulo do lixo que pode ficar nas ruas principalmente por se tratar da realização da feira livre e da Micareta que começa nesta sexta-feira (15).

Fonte e foto do Bacia do Jacuípe