APLB Sindicato emite comunicado à população de Ipirá

471

A APLB Sindicato, representante legal dos trabalhadores em educação informa que a partir de amanhã ( quinta feira, 19/05) após 14 dias de intensas atividades de GREVE, os trabalhadores em educação retornarão suas atividades nas creches e escolas da rede municipal de ensino.

Os trabalhadores em educação ocuparam o gabinete do prefeito desde o dia 16/05 para pressionar o gestor municipal a retomar a pauta de negociação com a apresentação de uma proposta de reajuste salarial, mas a gestão não se manifestou. Por intermédio da Câmara de vereadores houve uma reunião com o Secretário de Finanças e a Secretária de Educação na manhã dessa quarta feira na Secretaria de Educação na tentativa de que o diálogo fosse reestabelecido e a gestão apreciasse a proposta protocolada oficialmente pela APLB e ou construa uma proposta e nos dê um retorno oficial num prazo máximo de 15 dias, pois a categoria não aceita a proposta de reajuste ZERO apresentada pela gestão.

Os trabalhadores em educação tiveram conhecimento ainda pela manhã, de uma liminar da justiça que solicitou o retorno as atividades e após análise do conteúdo da mesma a categoria deliberou em assembleia pela SUSPENSÃO DA GREVE. A assessoria jurídica do Sindicato fará a defesa dos trabalhadores no intuito de buscar a legalidade do movimento. Porém, independente do resultado judicial, os trabalhadores sabem que o movimento é legal, é justo, é decente e é direito, pois não buscamos nada além de valorização, respeito e reconhecimento da importância e necessidade dos trabalhadores em educação, que transformam a sociedade através do seu trabalho. Saímos do movimento grevista ainda mais fortalecidos.

Os professores e funcionários seguem vigilantes, na luta pela defesa dos direitos já conquistados e permanecerão incessantemente, na cobrança para que sua pauta de reivindicações seja atendida. Estaremos novamente na escola, fazendo uma releitura do que vivemos nesses últimos dias, aprimorando nossa capacidade de enfrentamento e recarregando nossas energias para retomarmos as ações caso seja necessário.

Gostaríamos de parabenizar o esforço dos companheiros e companheiras de luta por se mostrarem firmes e fortes num momento tão importante, vocês foram excepcionais!

A APLB segue na defesa dos direitos dos Trabalhadores em Educação.
Não abriremos mão de nenhum direito
Reajuste é Lei! E Lei se cumpre

Só conquista quem luta!

Caboronga Notícias com informações e foto da APLB