quinta-feira, maio 30, 2024

Após saída de Jorge Jesus, Flamengo já teve seis técnicos; veja lista

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O Flamengo demitiu o técnico Vítor Pereira na manhã desta terça-feira (11). Esta é a sexta troca no comando técnico desde a saída de Jorge Jesus em julho de 2020.

VEJA QUEM PASSOU PELO RUBRO-NEGRO

Domènec Torrent: O catalão que foi auxiliar de Pep Guardiola foi contratado em julho de 2020 para substituir Jorge Jesus, mas não conseguiu fazer o time jogar nem perto do que um dia mostrou com o português.

Domènec deixou a equipe após 23 jogos, treze vitórias, quatro empates e seis derrotas. 62,3% de aproveitamento.

Rogério Ceni: Ceni encontrou um terra arrasada após a passagem de Doménec, e mesmo assim levou a equipe ao título do Campeonato Brasileiro de 2020. O ex-goleiro também conquistou a Supercopa do Brasil de 2021, a Taça Guanabara de 2021 e o Campeonato Carioca 2021. Ceni teve maus resultados do início do Brasileiro de 2021, e somado aos problemas de desgaste interno, também acabou demitido.

Ceni comandou a equipe por 45 jogos, 23 vitórias, onze derrotas e onze empates. 59,3% de aproveitamento.

Renato Gaúcho: O substituto de Ceni foi Renato Gaúcho. O time jogou bem e se destacou por algumas goleadas, mas Renato começou a balançar após a eliminação na semifinal da Copa do Brasil para o Athletico-PR, com direito a uma derrota por 3 a 0 em pleno Maracanã. No mês seguinte a equipe comandada pelo ex-atacante perdeu a final da Libertadores para o Palmeiras, e ele acabou demitido.

Em 37 jogos, Renato venceu 24 vitórias, empatou oito e perdeu cinco. 72,1% de aproveitamento.

Paulo Sousa: O técnico português trocou a seleção polonesa pela Flamengo nos últimos dias de 2021. O treinador perdeu a Supercopa do Brasil para o Atlético-MG e o Campeonato Carioca para o Fluminense. Após uma série de resultados ruins no Brasileiro acabou sendo demitido.

Paulo Sousa dirigiu o Flamengo em 32 partidas, com 19 vitórias, 7 empates e 6 derrotas. 66,7% de aproveitamento.

Dorival Júnior: Dorival substituiu Paulo Sousa e conseguiu conquistar a Copa do Brasil 2022 e a Copa Libertadores 2022. Mesmo assim, ao final da temporada a direitoria do Rubro-negro optou por não renovar com o técnico e acertou com Vítor Pereira.

Dorival Júnior comandou o Flamengo em 42 jogos, com 25 vitórias, oito empates e nove derrotas. 65,9% de aproveitamento.

Vítor Pereira: O técnico português assumiu a equipe para tentar melhorar o time que fechou a temporada com dois títulos importante, mas não foi isso o que aconteceu. VP perdeu a Supercopa do Brasil para o Palmeiras, ficou apenas em 3º no Mundial de Clubes, perdeu a Recopa Sul-Americana para o Independiente Del Valle, e perdeu a Taça Guanabara e o Campeonato Carioca para o Fluminense.

VP comandou a equipe em 16 jogos, com nove vitórias, um empate e seis derrotas. 58,3% de aproveitamento.

OS INTERINOS

Durante as entradas e saídas dos técnicos, o Flamengo teve seis técnicos interinos: Maurício Souza, Jordi Guerrero, Jordi Gris, Maurício Souza, Fábio Marias e Lucas Silvestre.

recentes