Bahia é Bi-campeão baiano 2018/19. Conheça outros 17 clubes que levantaram a taça este ano

Para um público superior a 41 mil pessoas na Arena Fonte Nova o Bahia sagrou-se Bi-campeão baiano 2018/2019 ao vencer o Bahia de Feira por 1 a 0 gol marcado por Gilberto cobrando uma penalidade que não foi marcada inicialmente pelo árbitro de campo Luiz Flávio de Oliveira, mas a equipe do árbitro de vídeo (VAR) viu uma penalidade do zagueiro do Tremendão sobre Erick Ramires. Gilberto cobrou com perfeição aos 8 min do segundo tempo e saiu para o abraço.

O Bahia de Feira não se entregou e saiu em busca do empate e deu muito trabalho a defesa do Bahia que cometeu muitas faltas na entrada da grande área e uma dessas aos 20 minutos Nelson Cazumba cobrou com precisão, a bola resvalou na barreira e saiu para escanteio. Os jogadores pediram penalidade afirmando que a bola tocou no braço de Gilberto quando saltou para cabecear. O árbitro mais uma vez pediu para ver o vídeo e marcou a penalidade. Era a chance do Tremendão colocar lenha no fogo, pois, caso segurasse o empate iria decidir a sorte na cobranças de tiros diretos.

A penalidade foi cobrada por Vitinho aos 23 min, mas o goleiro acertou, pulou no canto esquerdo espalmou e deu rebote, Vitor Hugo pega a sobra e chuta novamente para mais outro milagre do goleiro com a perna.

O Bahia teve chance de marcar o ‘gol matador’ no mesmo lance em contra-ataque, mas Ramires desperdiçou. O Tricolor da capital em contra-ataque perdeu mais dois gols de cara com Artur e Rogério. Ebinho ganhou na velocidade de Ernando, que chuta na saída de Anderson, mas por cima do gol. Bahia de Feira teve grande chance de empatar o jogo nos minutos finais.

Fim de jogo Bahia vence por 1 a 0 e não vai ter muito tempo para comemorar, pois, na quinta-feira próxima ja tem o jogo de volta pela Copa do Brasil contra o Londrina no Paraná. O Tricolor para perder a vaga tem que perder por cinco gols de diferença por ter ganhado o jogo de ida por 4 a 0. Placar com diferença de 4 gols a decisão sai nos pênaltis e três, a vaga fica para equipe baiana para as oitavas de final.

Veja que ganhou em 17 estados e Distrito Federal

Campeão Gaúcho: Grêmio

Campeão Mineiro: Cruzeiro

Campeão Maranhense: Imperatriz

Campeão Piauiense: River

Campeão Brasiliense: Gama

Campeão Sergipano: Frei Paulistano

Campeão Paulista: Corinthians

Campeão Carioca: Flamengo

Campeão Alagoano: CSA

Campeão Baiano: Bahia

Campeão Cearense: Fortaleza

Campeão Goianiense: Atlético

Campeão Mato-Grossense: Cuiabá

Campeão Sul-Mato-Grossense: Águia Negra

Campeão Paranaense: Athletico

Campeão Pernambucano: Sport

Campeão Catarinense: Avaí

Campeão Paraense: Remo

Ainda não decididos

Campeão Acreano: Final no dia 22/04

Campeonato Capixaba: Final no dia 27/04

Campeonato Rondoniense: Final no dia 27/04

Campeonato Potiguar: Final no dia 24/04

Campeonato Amapaense: Ainda não começou

CN * Fox Sports (Foto: João Salvador)