Nas últimas 24 horas a Bahia registrou 2.071 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,6%), 24 óbitos e 123 recuperados (+0,4%). Dos 377.445 casos confirmados desde o início da pandemia, 362.017 já são considerados recuperados e 7.415 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,33%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (9.019,07), Itabuna (6.756,31), Madre de Deus (6.741,57), Almadina (6.698,39), Aiquara (6.590,19).

Além disso, o boletim epidemiológico contabiliza ainda 775.117 casos descartados e 91.757 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quarta-feira, 18.

Desde o início da pandemia, são 8.013 óbitos por Covid-19, representando uma letalidade de 2,12%. Dentre os óbitos, 56,18% ocorreram no sexo masculino e 43,82% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,55% corresponderam a parda, seguidos por branca com 18,11%, preta com 14,86%, amarela com 0,74%, indígena com 0,10% e não há informação em 11,64% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 71,82%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,32%).

A Bahia tem 1.920 leitos disponíveis para a Covid-19 e destes, 915 possuem pacientes internados. A taxa de ocupação de leitos de UTI adulto no estado para pacientes com coronavírus é de 56% e de 57% a pediátrica.

Salvador:

A capital baiana registrou nas últimas 24 horas mais cinco mortes e 360 novos casos de Covid-19, segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

Salvador, desde o início da pandemia, tem 94.406 casos da doença, 1.370 casos ativos e 2.951 óbitos. A taxa de ocupação dos leitos de UTI para pacientes com coronavírus está em 53% e em 56% na pediatria.

A Tarde – Foto: Elói Côrrea | Governo da Bahia