O Atlético praticamente deu adeus à disputa do título brasileiro. Na noite deste sábado, 13/2, o Galo voltou a enfrentar dificuldades e ficou no empate por 1 a 1 com o Bahia, no Mineirão, em jogo válido pela 36ª rodada da Série A. O Galo saiu na frente com gol de Eduardo Sasha, mas Rossi empatou no começo do segundo tempo.

Com o empate, o Atlético está basicamente fora da disputa pela taça. O Galo chegou a 62 pontos, quatro a menos que o Internacional. Se o colorado vencer o jogo neste domingo, contra o Vasco, fora de casa, o Galo não terá mais chances de conquistar o Brasileiro. O Bahia somente entra na zona de rebaixamento se o Vasco derrotar o internacional amanhã, em São Januário.

O jogo

Sampaoli mexeu na equipe alvinegra para o jogo contra o Bahia. Saíram Alan Franco e Eduardo Vargas para as entradas de Nathan e Marrony (Sasha passou a atuar centralizado). No meio-campo, Jair voltou de suspensão e assumiu a vaga de Allan, suspenso.

Em campo, o Atlético se surpreendeu com o Bahia. Diferentemente da maioria dos adversários, o tricolor foi ao Mineirão para atacar o time de Sampaoli. E logo no primeiro lance, poderia ter aberto o placar com Rossi, que recebeu livre de Rodriguinho e finalizou na trave. Pouco depois, Everson e Réver salvaram o Galo em sequência de finalizações do tricolor.

O Atlético teve a bola, como já é de costume, mas voltou a sofrer para criar chances de perigo. Mas, quando ela apareceu, não desperdiçou. Jair encontrou Guilherme Arana livre na esquerda. O lateral-esquerdo cruzou na cabeça de Eduardo Sasha, que testou firme para balançar as redes: 1 a 0.

Depois do gol, o Galo continuou com a posse de bola, mas não criou mais dificuldades ao tricolor. No meio-campo, passou a ter problemas no início da construção das jogadas e cometeu alguns erros. No primeiro, Rodriguinho finalizou com perigo. No segundo, após passe errado de Jair, Gabriel Novaes arrancou livre e tentou uma cavadinha, mas Everson salvou o Atlético.

O Atlético voltou para o segundo tempo com a entrada de Alan Franco na vaga de Nathan. E logo no primeiro lance, o alvinegro atacou, mas deixou espaço na defesa. A zaga do Bahia afastou a bola, e Rossi foi acionado. O velocista deixou Junior Alonso para trás, invadiu a área e finalizou sem chances para o goleiro Everson: 1 a 1.

Após sofrer o empate, o Galo tentou pressionar o time visitante. As dificuldades, no entanto, seguiam. O Bahia, vez ou outra, chegava com perigo. Elton, logo após entrar em campo, acertou lindo chute no travessão de Everson.

Pouco depois, o Galo acordou. O goleiro Matheus Claus salvou o Bahia com dois milagres, em cabeceio de Marrony e finalização de Sasha. O Atlético seguiu em cima, mas esbarrou no sistema defensivo do tricolor e não conseguiu o gol da vitória no Mineirão.

Ficha Técnica

Atlético Mineiro 1 x 1 Bahia

Local: estádio Mineirão, em Belo Horizonte

Data e horário: sábado, 13 de fevereiro, às 19h

Gols: Eduardo Sasha (19/1°T); Rossi (1/2°T)

Cartões amarelos: Sávio (42/2°T); Ronaldo (48/2°T)

Motivo: 36ª rodada do Campeonato Brasileiro

Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa/SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)

VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (RN)

Atlético: Éverson; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Jair, Nathan (Alan Franco, no intervalo) e Hyoran (Vargas, 29/2°T); Savarino, Marrony (Sávio, 36/2°T) e Eduardo Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli.

Bahia: Mateus Claus; Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Matheus Bahia; Gregore; Rossi (Luiz Felipe, 29/2°T), Ronaldo, Patrick (Elton, 22/2°T) e Gabriel Novaes; Rodriguinho.  Técnico: Dado Cavalcanti.

Outro jogo

A vitória do Santos sobre o Coritiba por 2 a 0, na Vila Belmiro, decertou o rebaixamento do time paranaense ao lado do Botafogo, o primeiro a cair este ano.

COMPARTILHE
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •