sexta-feira, maio 24, 2024

Cinco homicídios registrados entre sábado e domingo em Feira Santana

Neste final de semana, entre sábado (4) e domingo (5), cinco pessoas foram assassinadas em Feira de Santana. Os crimes ocorreram no distrito de Humildes e nos bairros Campo do Gado Novo, Papagaio, Lagoa Grande e Campo Limpo.

Campo do Gado Novo
Por volta das 22h50 de domingo (5), um homem ainda não identificado foi morto a tiros na Travessa Maria Lima de Carvalho, no bairro Campo do Gado Novo. Ele foi alvejado por tiros e não há mais informações sobre autoria e motivação do crime.

Distrito de Humildes
No domingo (5), um homem foi assassinado às margens da BR-324, sentido BR-101, próximo ao Distrito de Humildes. O crime ocorreu por volta das 14h50. Ele foi baleado com dois tiros na região da cabeça por uma arma calibre 380.

Papagaio
Wallace Taixay Silva Oliveira, de 34 anos, foi morto com diversos disparos de arma de fogo por volta das 6h deste domingo (5). O crime aconteceu na Rua Pindoretama, no bairro Papagaio, em Feira de Santana.

Segundo informações apuradas pelo Acorda Cidade, a vítima trabalhava como motorista de delivery. Ele foi encontrado morto dentro de casa com perfurações na cabeça, braços e costas provocadas por tiros de arma de fogo. A delegada Klaudine Passos Silva realizou o levantamento cadavérico.

vítima - Wallace Taixay
Wallace Taixay, de 34 anos

Lagoa Grande
Por volta das 17h de sábado (4), na Rua Isolina Bastos, no bairro Lagoa Grande, foi assassinado a tiros Gabriel Antônio das Virgens Batista, de 23 anos. Ele sofreu perfurações nas mãos, rosto e cotovelos. A delegada Klaudine Passos Silva realizou os levantamentos cadavéricos.

Campo Limpo
Na tarde de sábado (4), por volta das 16h20, Jean da Silva de Almeida, de 40 anos, foi morto a tiros na Rua Grêmio, bairro Campo Limpo, em Feira de Santana. Segundo informações da polícia, a vítima foi atingida por diversos disparos de arma de fogo e não resistiu, vindo a óbito ainda no local.
O delegado Eudes Aquino realizou o levantamento cadavérico.

Jean da Silva de Almeida, de 40 anos

 

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

recentes