O prefeito de Salvador ACM Neto (DEM), participou na segunda-feira, 26, em Euclides da Cunha, no território do Semiárido Nordeste II, do encerramento do “Arraiá do Cumbe”, evento que começou no dia 23 e nestes dias aconteceu shows de bandas e artistas como Aviões, Flávio José, Adelmário Coelho, Solange Almeida, Calcinha Preta, Danniel Vieira, Limão com Mel, entre outros.

Acompanhado do vice-prefeito da capital, Bruno Reis, ACM Neto disse que estava feliz em vê uma cidade bem administrada pelo prefeito Luciano Pinheiro e com a visão de apostar em um evento que movimenta a economia e atrai gente de todo o estado.

Cotado para ser o candidato a governador na eleição do próximo ano pela oposição, Neto disse ao Calila Noticias após sair do camarin de Solange Almeida que tem procurado em Salvador dar uma demonstração do quanto confia na importância de um calendário de eventos, não apenas pelo carnaval, considerado o maior do Brasil, mas por uma série de eventos. e isso o credencia a defender que os festejos juninos no interior do estado tenha mais apoio e mais investimentos por parte do governo do estado e que não fique apenas nesta época e possa se expandir para o ano inteiro com outras festas tradicionais, não ficando preso apenas neste período de São João.

Questionado sobre sua candidatura a governador em 2018, ACM Neto disse que não podia ainda falar sobre esse assunto, porém, não descartou essa possibilidade e que a decisão será tomada no próximo ano. O chefe do executivo da capital disse que irá pensar muito sobre essa decisão e o mais importante é sentir a vontade do povo baiano.

Neto disse que muito pode ser feito pelo interior, não apenas pelas festas juninas que deverão ser mais estimuladas através de parcerias com as prefeituras que já realizam eventos importantes, a exemplo de Euclides da Cunha, e de maneira mais ampla, não se pode pensar em uma Bahia forte no futuro sem ter um interior desenvolvido e as regiões mais equilibradas do ponto de vista econômico, e as oportunidades não podem estar concentradas apenas nas grandes cidades do estado. “A gente já demonstrou que sabe governar em Salvador e agora se isso vai se estender ou não, vai depender primeiro da decisão de ser candidato e depois da vontade do povo baiano”, falou o democrata.

Deputado estadual Luciano Simões defende a candidatura de ACM Neto e disse que a Bahia precisa de um choque de gestão, segundo ele do paradeiro que o estado se encontra. ” A Bahia não pode conviver com a saúde que temos hoje, os escândalos de violência e de segurança pública que encontra”, disse o parlamentar

Redação CN | Foto: Assessoria