Subiu para 58 o número de vítimas da chuva em Minas Gerais. Segundo a Defesa Civil do estado, o novo registro é o de uma criança de 10 anos cujo corpo foi encontrado nesta segunda-feira (3). O garoto estava desaparecido após ser levado pela correnteza de uma cachoeira durante uma chuva em Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A Defesa Civil considerava a criança como a única desaparecida no estado por causa de chuvas. A ocorrência aconteceu na Cachoeira Ponte Quebrada, no bairro Dumaville. Desde o início do período chuvoso, em outubro de 2019, foram 68 mortes, de acordo com o órgão.

Situação de emergência

Cento e noventa e seis cidades em diversas regiões de Minas Gerais estão em situação de emergência por causa da chuva. Todos esses decretos já foram reconhecidos pelo governo federal.

A medida vale por 180 dias e possibilita ações mais céleres para a recuperação dos estragos e auxílio à população. Todos os órgãos estaduais estão autorizados a atuar nos trabalhos sob coordenação da Defesa Civil de MG.

Por G1 Minas — Belo Horizonte — Foto: Prefeitura de Espera Feliz/Divulgação