Delegado de Polícia de Ipirá ouve mãe agressora e criança é encaminhada para exames no DPT de Itaberaba

Um vídeo que circulou no inicia da noite desta quinta-feira (16) nas redes sociais, com imagens de agressão deixou a população de Ipirá chocada. O vídeo mostra uma mãe natural de Ipirá em total desequilíbrio, agredindo o próprio filho, uma criança de apenas quatro anos de idade.

O vídeo foi filmado por uma pessoa que pretendia denunciar ao Conselho Tutelar e as imagens se espalharam pelas redes sociais.

Em contato com a redação do Caboronga Notícias, o delegado de polícia Dr. Azevedo informou que a mãe da criança, tem 20 anos, foi ouvida pela policia, liberada e responderá pelo crime.  A prisão da acusada não aconteceu, pelo fato de não ter havido o flagrante e ter sido fora do prazo como determina a lei. Foi instaurado inquérito policial para investigar o Crime de Tortura que tem pena de reclusão de 2 a 8 anos

Ainda segundo o delegado, a criança que foi encaminhada para o DPT de Itaberaba para efetuar exames de corpo delito, ficará sob-responsabilidade dos avós.

O delegado Azevedo se colocou a disposição da imprensa locar para uma entrevista coletiva, onde ele dará maiores detalhes sobre o caso e sobre os rumos da investigação. A coletiva poderá ser realizada na próxima terça-feira (21), já que além de Ipirá, o delegado dá plantão nos municípios de Mundo Novo e Pintadas.

Caboronga Notícias