Discurso do prefeito de Baixa Grande enfatiza importância da Saúde, da Educação e do Esporte

A cerimônia de posse dos vereadores, prefeito e vice prefeito eleitos que ocorreu 01 de janeiro em Baixa Grande foi bastante concorrida. O público das mais variadas localidades de Baixa Grande dirigiu-se ao Clube 05 de Março para testemunhar o regresso do médico Heraldo Alves Miranda ao cargo de prefeito de Baixa Grande. As quatro derrotas em tentativas anteriores serviu para testar a obstinação e tenacidade do homem que de operário de fábrica em São Paulo, tornou-se um dos maiores cirurgiões do estado da Bahia. Este fato não passou em branco, e no discurso de posse Dr. Heraldo frisou sobre a sua permanência na cena política servindo e mantendo constante atividades nas questões de interesse social de Baixa Grande e na área de saúde, fato este que o consolidou com uma poderosa musculatura política que o levou a ter uma das maiores vitórias proporcionais da história de Baixa Grande. O discurso com teor altamente humanista revela a sua essência desde sempre:

Dr Heraldo é um homem que acredita no trabalho e nas boas relações humanas pautadas no respeito e na determinação. Na política há uma máxima que afirma sobre a mutabilidade, por ser a política uma gigantesca compilação de sentimentos, paixões, aspirações e expectativas. Por isso o prefeito Dr. Heraldo precisará da humildade e da determinação do seu secretariados e todo o corpo de assessores distribuídos nas mais variadas pastas para ajudar com criatividade pois existem limitações de recursos orçamentários. Ao destacar a Saúde como prioridade do Governo Municipal e logo em seguida a importância da Educação, estendeu-se Dr Heraldo no território do Esporte, reportando-se sobre a lida de alguns dos muitos voluntários que há anos dedicam-se à causa desportiva, cultural e social em Baixa Grande.

Conclamando a todos para junção de forças para uma nova Baixa Grande. Político experimentado, o Deputado Cláudio Cajado que esteve no evento festivo após a solenidade, fez uso da palavra e deu a senha principal deste momento: “Tenham um pouco de paciência que as coisas vão acontecer.” E realmente nesse primeiro momento é preciso que a população de Baixa Grande dê este voto de confiança, dando um tempo para que o projeto de gestão amadureça e se encaixe na forma perspectivas de melhorias. Uma outra questão que deverá ser observada é como se comportará a oposição na Câmara de vereadores. No macro aspecto político, aos vereadores que pleiteiam um dia ser prefeito, é muito ruim apostar numa gestão do “quanto pior, melhor”. Isso por que dos vereadores eleitos na oposição dois entre eles teve boa quantidade de votos ‘casados’ com os votos em Dr. Heraldo.

E é Ciência em Política que migração abrupta de eixos da direita para a esquerda reduz a densidade eleitoral do postulante. Como foi o caso do vereador eleito Reinaldo Brito de Carvalho que conseguiu fazer, indiscutivelmente, a melhor gestão à frente da Secretária da Agricultura mas viu retroagir sua densidade eleitoral por conta de estar num eixo político contrastante do que ele militou em várias eleições anteriores. A aposta é que Dr. Heraldo governe com apoio de vereadores. Outro fator que pode vir a beneficiar a Gestão de Dr. Heraldo vai ser a necessidades dos dois postulantes ao Governo do Estado, ACM Neto e Rui Costa, mostrarem serviço na região.

O povo ta cansado de Marketing, e políticos, sejam Governador, Senador, Deputado Estadual, Deputado Federal, devem colocar emendas ou apresentarem serviços à Baixa Grande do contrário terão seus nomes rechaçados nas urnas, já que hoje em dia a informação pela internet é amplamente livre e aberta e o povo vai saber quem foram os deputados que apresentam emendas para Baixa Grande. Diante do Cenário, a humildade com que Dr Heraldo se apresenta para a sociedade, lhe outorga o tempo necessário para implantação do seu projeto de melhorar Baixa Grande. Foi dado o ponta pé inicial, mas o maior adversário, ou aliado, agora é o tempo. Como diz o velho jargão popular: “Hora de botar a mão na massa!”

Da Redação Acontece na Bahia