Em 24h, quatro foragidos da Justiça são presos em Salvador e RMS após reconhecimento facial

117

Quatro foragidos da Justiça foram encontrados na capital e Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, foram encontrados, em 24 horas, com a ajuda do Sistema de Reconhecimento Facial da Secretária da Segurança Pública (SSP). Um dos suspeitos foi encontrado na Barra, na tarde deste sábado (2).

Por volta das 15:12h, o alerta de 95% informou que o assaltante passava por um dos ponto monitorado da orla de Salvador. Policiais que estavam próximas ao local foram acionadas, identificaram e conduziram o suspeito para a Coordenação de Polícia do Interior (Polinter). O homem teve o mandado cumprido.

Já na noite da sexta-feira (1), outro foragido com mandado de prisão pela prática de roubo tentava entrar no penúltimo dia de festas no Parque de Exposições Agropecuárias de Salvador. Ele aguardava na fila dos portais de abordagem, quando as câmeras apontaram 95% de similaridade.

Equipes da Polícia Militar que faziam a segurança do evento identificaram o suspeito e o conduziram para a delegacia. Em entrevista ao BNews, o comandante do policiamento do evento, major PM Alcântara, informou que o suspeito já foi encaminhado para o serviço de Polícia Interestadual (Polinter). “No acesso ao Parque nós estamos operando com câmeras de reconhecimento facial da Secretaria de Segurança Pública e uma dessas câmeras flagrou um indivíduo com mandado em aberto, que já foi encaminhado para a Polinter”, afirmou.

Ainda na capital outro assaltante foi encontrado após alerta de 94% de semelhança. Contra ele havia um mandado de prisão expedido pela 17ª Vara Criminal de Salvador no ano de 2020, pela prática de roubo.

A ferramenta, que também está ativa em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), apontou 95% de conformidade contra outro homem que praticou um roubo em 2018, na capital baiana. Ele possuía mandado de prisão expedido pela 14ª Vara Criminal de Salvador e foi capturado durante a noite, ao passar por um ponto monitorado pelas câmeras inteligentes.

Os demais suspeitos também foram levados para à sede da Polinter, onde tiveram os mandados cumpridos e seguem aguardando decisão Judicial.

Com as prisões, a ferramenta chega a marca de 296 criminosos retirados do convívio social.

Por Redação Bnews