Os presos rebelados na delegacia de polícia do município de Ipirá liberaram o refém na tarde desta segunda-feira (13). O carcereiro Roseval Pereira, de 52 anos, que fiscaliza os detentos da unidade policial, ficou dentro da unidade desde o início do motim. Ele é conhecido popularmente como ‘Farracho’. Pereira disse para a imprensa local que “foi bem tratado pelos presos e que passa bem”. Segundo informações, todas as celas foram alvo de depredação, inclusive com grades arrancadas. Na unidade estão detidos 35 presos acusados de diferentes crimes.

Os presos reivindicam a liberação de roupas e colchões, e ainda exigem a presença de um juiz, promotor e de uma emissora de TV. De acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), publicadas pelo G1, os homens reivindicam ainda transferências para outras delegacias da região, além de visita íntima nas celas. Agentes da Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil foram acionados e estão no local.

A confusão começou no momento do banho de sol e ainda não foi controlada. As negociações estão sendo acompanhadas pelo delegado Caryl Oliveira, pelo coordenador Adolfo, e pelas Polícia Militar e Coordenadoria de Operações Especiais (COE). Ainda conforme dados, os presos colocaram fogo nas celas e barulhos de explosão foram ouvidos por volta das 15h. Na área externa, parentes buscam informações sobre os internos.

Preso passa mal durante ação da polícia | FOTO: Cristina Villarino |

Um preso passou mal e foi atendido por ambulância, após a polícia entrar no pátio.

Caboronga Notícias por Cristina Villarino