Após 60 dias da gestão “O Trabalho é Agora” em Ipirá no território da Bacia do Jacuípe, o governo municipal enfrenta sua primeira crise de ordem administrativa, com a substituição de dois secretários.

Na última sexta-feira (26), foi publicada nas redes sociais de forma não oficial a informação sobre a exoneração da secretária de Saúde Edna Oliveira Moura de Sousa. O fato causou estranheza a todos por não ter sido uma nota oficial da gestão e muito menos uma publicação no Diário Oficial do Município, o que só foi confirmado nesta segunda-feira (1º/03).

A ex-secretária Edna Moura foi nomeada para ocupar a função de Coordenadora da Vigilância Sanitária do município.

Antes mesmo de ser empossado no cargo, o atual prefeito Edvonilson Santos (PSD), anunciou o nome do bioquímico Renê Saint-Clair para assumir a pasta da Saúde, e dias depois o Dr. Renê gravou um vídeo onde citou os motivos que o levaram a não aceitar o convite do então prefeito eleito Dudy.

Outro assunto que dominou as redes sociais e comentários nos meios políticos nesta segunda-feira em Ipirá, foi a exoneração do até então secretário de Administração Geral, Tiago Oliveira do Vale, cuja portaria foi publicada hoje no Diário Oficial do Município. Para assumir a vaga do advogado Tiago Oliveira, foi nomeada a ex-vereadora Nilzete Rosário dos Santos Almeida.

Até então não se tem conhecimento se o advogado Tiago do Vale ocupará outra função no governo municipal. O prefeito municipal informou que a advogara Mirian Caldas  assumirá a pasta da Saúde.

Caboronga Notícias com imagem do arquivo

COMPARTILHE
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •