terça-feira, abril 23, 2024

Líder de grupo mercenário morre em queda de avião na Rússia, diz governo

O líder do grupo mercenário Wagner, Yevgeny Prigozhin, morreu hoje em uma queda de avião na região de Tver, na Rússia, a cerca de 180 km de Moscou. A informação foi divulgada pela agência nacional de aviação russa.

O que aconteceu

Jato executivo Embraer Legacy ia de Sheremetyevo, cidade próxima à capital Moscou, até São Petersburgo.

Dez pessoas estavam a bordo, três pilotos e sete passageiros. Ninguém sobreviveu, segundo o Ministério de Emergências da Rússia.

Avião estava no ar há menos de meia hora quando caiu. À agência de notícias estatal Tass, o serviço de emergência disse que quatro corpos foram encontrados até o momento. A operação de resgate continua.

Entre as vítimas, está o líder do grupo Wagner, Yevgeny Prigozhin, disse o governo russo. Em junho deste ano, os mercenários se rebelaram contra o governo do presidente Vladimir Putin e invadiram instalações militares, no que foi a maior crise militar interna na Rússia desde o início da década de 1990.

Motim durou poucas horas. Após acordo com o governo russo, Prigozhin foi para a vizinha Belarus e apareceu publicamente poucas vezes, desde então.

Uol

recentes