Uma promotora de eventos de 51 entrou em luta corporal com um assaltante para defender a filha de 13 anos, segundo a TV Tribuna nesta quarta-feira (14). O incidente ocorreu no último domingo (11) em ponto de ônibus da cidade de Santos, litoral de São Paulo.

A promotora, sua filha e uma amiga estavam no local para acionar um veículo do Uber pelo aplicativo de celular, quando o criminoso se aproximou em uma bicicleta para tomar o aparelho. “Eu sei que é errado reagir nessas horas, mas quando vi ele indo na direção da minha filha, virei um bicho”, relatou a mulher.

Ainda segundo a publicação, após roubar o aparelho da promotora, o homem fugiu por um estacionamento de um centro de eventos, mas foi perseguido pela vítima. O bandido se desequilibrou e colidiu contra a cancela. Foi alcançado e a luta corporal teve início. A promotora recuperou o aparelho.

A TV Tribuna ainda destaca que o homem teve nova chance de fuga, mas foi interceptado e imobilizado por populares enquanto corria. Acabou preso.

TV Tribuna – (Foto: Júnior Batista/ Jornal Expresso Popular)