quarta-feira, junho 19, 2024

MP apura desvio de doações por pré-candidatos em 4 cidades após chuvas no RS

(UOL/FOLHAPRESS) – O MP faz nova operação nesta terça-feira (4) em Palmares do Sul após denúncia de desvios de doações para vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. Com a ação, o órgão já apura desvio por pré-candidatos em quatro cidades atingidas pelas chuvas.

MP investiga secretário municipal, vereador e sua companheira por suposto desvio de doações em Palmares do Sul. Em ação em conjunto com a Polícia Civil no litoral norte gaúcho, a Promotoria apreendeu donativos doados por entidades.

Suspeitos são investigados por apropriação indébita, peculato e associação criminosa. Na ação, foram cumpridos mandados de apreensão de documentos e mídias eletrônicas nas residências dos suspeitos. O MP não revelou as identidades dos investigados.

Estamos apurando a participação de mais envolvidos no desvio. Isso porque são vários os relatos da população que mencionam vereadores se aproveitando dessa tragédia para benefício próprio e eleitoral.

Mauro Rockenbach, promotor de Justiça do RS Promotoria já investiga desvios cometidos por pré-candidatos em outros três municípios gaúchos. Os supostos desvios ocorreram em municípios no entorno de Porto Alegre.

COMO FORAM OS OUTROS CASOS

Promotoria investiga ONG ligada a político em cidade da região metropolitana de Porto Alegre. Ação de busca e apreensão ocorreu no dia 19 de maio. O portal “Seguinte” apurou que o MP investiga supostos desvios na ONG Vida Viva, ligada ao vereador Deoclécio Mello (PSDB), que abrigou atingidos pelas inundações.

A família Mello negou irregularidades e alegou perseguição política, já que a investigação teria iniciado após denúncia anônima. A ONG alega ainda ser cadastrada junto à prefeitura local para receber e distribuir doações às vítimas das chuvas.

Doações entregues indevidamente em entidade ligada a pré-candidato em Barra do Ribeiro, diz MP. Três suspeitos foram alvo de ação do MP no dia 23 de maio.

Ação do MP ocorreu em cidade mais atingida pelas inundações do Rio Grande do Sul.

Operação ocorrida no dia 25 de maio deu início a investigação da Promotoria por desvios de doações contra três integrantes da Defesa Civil de Eldorado do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre. Dois deles são pré-candidatos nas eleições de 2024. O MP não revelou a identidade deles.

recentes