terça-feira, abril 23, 2024

MPF pede bloqueio de R$ 1 bilhão da Braskem para indenização das vítimas em Maceió

Ministério Público Federal pediu que a Justiça de Alagoas determine o bloqueio de R$ 1 bilhão da petroquímica Braskem para pagamento de indenização aos proprietários de imóveis afetados pelo afundamento do solo.

A Justiça já havia determinado, em novembro, que a Brakem incluísse novos imóveis ao programa de compensação financeira pelos danos causados em Maceió. Como a ordem não foi cumprida, as instituições acionaram novamente a Justiça na quarta-feira (13), um dia depois da audiência de conciliação, que não chegou a um acordo.

O MPF pede que caso a Braskem descumpra novamente a ordem judicial, responda pelo crime de desobediência. As instituições pedem ainda que o presidente da petroquímica pague multa diária de R$ 50 mil em caso de descumprimento da ordem judicial.

No Mapa de Linhas de Ações Prioritárias, foram incluídos os bairros do Bom Parto, da rua Marquês de Abrantes e da Vila Saém, além de imóveis no bairro do Farol. Segundo as instituições, os moradores de Bom Parto estão em extrema vulnerabilidade social.

Fonte: Metro 1 – Foto: Gésio Passos/Agência Brasil

recentes