quarta-feira, maio 29, 2024

Nesta quinta-feira (02), o TCM votará contas da Prefeitura de Baixa Grande

Pautada no Tribunal de Contas dos Municípios – TCM para serem analisadas e votadas nesta quinta-feira (02), as Contas da Prefeitura Municipal de Baixa Grande, exercício de 2021, 1º ano da gestão do atual prefeito Gilvan Rios da Silva.

Ao longo dos 31 anos de existência do TCM, a Prefeitura de Baixa Grande já teve 7 contas reprovadas e as demais aprovadas com ressalvas. As contas de 2021 tem como relator o conselheiro Cláudio Ventin.

Em 2021, a receita da Prefeitura de Baixa Grande atingiu o montante de R$ 62.641.836,57 (Sessenta e dois milhões, seiscentos e quarenta e um mil, oitocentos e trinta e seis reais e cinquenta e sete centavos), sendo R$ 5.234.938,15 (Cinco milhões, duzentos e trinta e quatro mil, novecentos e trinta e oito reais e quinze centavos) de receita própria e R$ 57.406.898,42 (

Cinquenta e sete milhões, quatrocentos e seis mil, oitocentos e noventa e oito reais e quarenta e dois centavos) de transferências Estadual e Federal.

Dos valores recebidos foram aplicados R$ 20.605.199,06  (Vinte milhões, seiscentos e cinco mil, cento e noventa e nove reais e seis centavos) em Educação e R$ 7.054.235,44 ( Sete milhões, cinquenta e quatro mil, duzentos e trinta e cinco reais e quarenta e quatro centavos) em Saúde.

Por: Ediomário Catureba

recentes