segunda-feira, maio 20, 2024

Neymar desmente jornal espanhol e nega ter pedido saída de Jorge Jesus do Al-Hilal

O atacante Neymar usou as redes sociais nesta segunda-feira para desmentir os boatos envolvendo um suposto pedido do atleta pela saída do técnico Jorge Jesus do Al-Hilal. O brasileiro comentou uma postagem na qual citava um desentendimento com o treinador e deixou claro que trata-se de uma “fake news”.

“Mentira… vocês têm que parar de ficar acreditando nessas coisas, páginas como essa… com milhões de seguidores não podem ficar postando fake news. Com todo respeito do mundo, eu peço que pare com isso. É muita falta de respeito”, disse Neymar.

A notícia foi do jornal espanhol Sport, da Catalunha, que ainda citou uma discussão entre Neymar e Jorge Jesus no vestiário após empate por 1 a 1 com o Dhamk, pelo Campeonato Saudita. Neymar fez até agora três jogos com a camisa do Al-Hilal e não marcou gols.

Jorge Jesus já teria conversado com a diretoria do Al-Hilal na última terça-feira, após empate por 1 a 1 na estreia da Liga dos Campeões da Ásia. Na ocasião, o treinador foi comunicado de que, caso não melhorasse o desempenho do time, ele teria seu contrato encerrado.

Em agosto, após ser convocado por Fernando Diniz para as partidas das Eliminatórias contra Bolívia e Peru, Jorge Jesus criticou a CBF e a seleção brasileira e afirmou que Neymar não teria condições de entrar em campo. O brasileiro ainda não havia feito sua estreia pelo Al-Hilal, já que se recuperava de lesão no tornozelo. Na ocasião, o craque jogou normalmente.

Com Jorge Jesus como técnico, Neymar deve voltar a campo pelo Al-Hilal na próxima sexta-feira, às 15h, no confronto com o Al-Shabab, pela oitava rodada do Campeonato Saudita. Nesta segunda-feira, ele não enfrentou o Al Jabalain na vitória por 1 a 0 pela Copa da Arábia Saudita.

Estadão Conteúdo

recentes