domingo, maio 19, 2024

Palmeiras deve superar R$ 100 milhões em reforços para 2024

(UOL/FOLHAPRESS) – O Palmeiras quer a contratação de um atacante para repor a saída de Endrick -que vai para o Real Madrid no meio do ano- e deve superar os R$ 100 milhões gastos em contratações para a temporada 2024.

Palmeiras já gastou R$ 89,3 milhões em cinco reforços para a temporada. O time alviverde já anunciou as contratações do meio-campista Aníbal Moreno, do atacante Bruno Rodrigues, do lateral esquerdo/ponta Caio Paulista, do atacante Lázaro e do meia Rômulo.

Projeção do clube alviverde é de que esse total ultrapasse os R$ 100 milhões em 2024. O clube sabe que precisará ir ao mercado para repor a saída de Endrick e prevê investimento significativo em um reforço para o setor.

O clube quer aproveitar os últimos meses do atleta na equipe, e avalia que o mercado ainda não apresentou nenhuma grande oportunidade de contratação. A janela do meio do ano abrirá mais possibilidades, já que coincide com o período de reformulação das equipes europeias.

Mercado de 2024 pode chegar ao dobro do que foi gasto em 2023. O Palmeiras foi econômico na última temporada e só fez duas contratações: Artur (já negociado com o Zenit), que custou 8 milhões de euros (cerca de R$ 45 milhões na época), além de bônus por metas, e Richard Ríos, que custou R$ 6 milhões.

Segundo balanço do clube aprovado pelo COF, o Palmeiras gastou em 2022 cerca de R$ 98 milhões. Foi o primeiro ano de Leila como presidente. O total não ultrapassou os R$ 100 milhões por que a contratação de Flaco López foi parcelada e no balanço de 2022 só consta R$ 22 milhões, de um total de 9 milhões de dólares (R$ 48 milhões na época).

VEJA VALORES DETALHADOS

> Aníbal Moreno: R$ 34,5 milhões, mais 1 milhão de dólares por metas a serem batidas
> Bruno Rodrigues: R$ 25 milhões
> Caio Paulista: R$ 18,5 milhões
> Lázaro: R$ 5,3 milhões pelo empréstimo, com opção de compra de 12 milhões de euros (R$ 64 milhões)
> Rômulo: R$ 6 milhões.

recentes