Na Argentina, uma menina de 12 anos ia para a casa da tia a pé quando um homem a agarrou por trás, tapou sua boca e a levou para um terreno baldio para estuprá-la.

Segundo o site Correo del Orinoco, a criança, que não teve o nome divulgado, debateu-se em seus braços, sem forças suficientes para se soltar. Mas cinco cães de rua que estavam ali por perto ouviram o choro da menina e correram para salvá-la do abuso.

Eles procuraram a direção dos gritos e, ao avistarem a pequena sendo estuprada, avançaram no pedófilo, morderam seu rosto e arranharam todo o seu corpo, deixando a garota intacta que aproveitou para fugir.

Ela, então, pediu ajuda para as casas vizinhas e foi socorrida. O agressor ainda não foi identificado.

Os cachorros já estão sendo chamados de anjos-protetores por toda a cidade. Há quem diga que eles foram enviados para salvá-la. E você o que acha?

Fonte: Diário Online – Foto: Divulgação