O Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19 foi alterado, nesta terça-feira (16), e passou a incluir todas as pessoas com deficiência como grupo prioritário da imunização.

Na redação anterior, o plano determinava que apenas pessoas com deficiência permanente severa seriam consideradas como prioritárias para o recebimento da vacina. O novo texto, que retirou o termo “severa” como condição para a priorização, passa a considerar como grupo prioritário todas as pessoas com deficiência permanente que apresentem uma ou mais das seguintes limitações:

 

Histórico

No dia 15 de janeiro, a Apae Brasil se posicionou publicamente em defesa da prioridade irrestrita de todas as pessoas com deficiência nas ações de vacinação contra a Covid 19. A organização enviou ofício à presidência da República, deputados e senadores, pedindo a priorização e justificando os motivos pelos quais a mesma era necessária para este grupo. Em 20 de janeiro, a Apae Brasil se reuniu com membros do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência – Conade, Ministério da Saúde e outras entidades para novamente solicitar a priorização de todas as pessoas com deficiência. No dia 16 de fevereiro, o Plano Nacional de Vacinação foi alterado e passou a considerar todas as pessoas com deficiência permanente como grupo prioritário.

Confira o Plano Nacional de Vacinação: https://bit.ly/3jYekrm

Fonte: APAE Brasil