Polícia Civil apreende mais 800 kg de explosivos na Chapada Diamantina

Em mais um desdobramento da operação de materiais explosivos, a Polícia Civil da Bahia apreendeu 800 kg desse material contido em um cordel detonante, em um outro galpão clandestino, no município de Novo Horizonte, na região da Chapada Diamantina. Ao BNews, o coordenador da operação, o delegado Tiago Silva, informou que o segundo suspeito de ser proprietário do galpão já está sendo localizado.

“Já estamos buscando localizar o responsável por esse material, que estava condicionado de forma ilícita, irregular, causando risco não só a população, vizinhança, mas como potencial de ter a destinação para diversas atividades criminosas no estado”, explicou o delegado.

Com função lícita, o cordel é voltado para minérios e pedreiras. Todavia, o material sofreu o desvio de caminho, com destinação criminosa, como ataques a instituições financeiras e extração ilegal de minério.

Vale ressaltar que o material estava coberto no forro de um telhado podendo causar uma explosão que destruiria todas as casas da vizinhança. Informou Tiago Silva.

À reportagem, o investigador e explosivista do COE, Leandro Bahia, reiterou: “é um material extremamente sensível, com uma capacidade de destruição muito grande, então todo cuidado é necessário para que faça qualquer tipo de manipulação com esse material, que normalmente é destinado para crimes.

BNews – Foto: Vagner Souza/BNews