Prefeito de Serra Preta desmente acusação infundada de não colaborar com investigação

A Prefeitura de Serra Preta sempre que solicitada na forma e prazo legal, vem cumprindo com suas obrigações em particular com a transparência de seus atos.

O município não restringiu ou vetou o direito de investigação da CPI, pelo contrário, estamos à disposição para colaborar com todo o processo, tendo em vista a lisura das nossas ações.

Repita-se por necessário, não houve recusa de entregar a documentação requerida a quem quer que seja.

O que ocorreu, foi tão somente um requerimento de dilação do prazo de entrega dos documentos solicitados à Prefeitura de Serra Preta, prazo este justificado para organizarmos a documentação, que era extensa e que também coincidiu com o período de prestação de contas do município.

Mas, ainda assim, foram devidamente entregues os documentos solicitados de forma voluntária pelo ente público.

Contudo ao que parece, através da matéria veiculada pelo site Caboronga Notícias, no dia 07 de maio de 2019, o presidente da CPI se equivocou e desconsiderou os fatos, recorrendo à Justiça para alegar que tínhamos negado a entrega dos documentos. O que não é verdade! Pelo que se conclui do ofício nº 899/2019, anexo nesta nota, no prazo solicitado, realizamos a entrega das solicitações requeridas.

Em relação a eventual ação judicial, o município não foi notificado pela Justiça, e caso seja, irá informar que já apresentou de quando solicitado. Não restando outra alternativa se não a perca do objeto desta temerária ação judicial.

Por fim a Prefeitura de Serra Preta repudia qualquer tentativa ainda que de forma totalmente equivocada e sem ouvir a parte contrária, como é o caso desta matéria, de desvirtuar a nossa imagem e conduta perante a sociedade.

Rogério Serafim Vieira de Sousa
Prefeito de Serra Preta -Ba