Prefeito decide não realizar festividades no Aniversário de Ipirá

229

O prefeito de Ipirá Marcelo Brandão (DEM), confirmou nesta quarta-feira (18), a não realização de festividades alusivas aos 163 anos de emancipação política do município que acontecerá nesta sexta-feira (20).

Resumo
No ano de 1855, pela Resolução Provincial n° 520, de 20 de abril de 1855, com o topônimo de Santana do Camisão, em homenagem a sua antiga referência, passando à categoria de Vila, por congregar mais outras freguesias como as de Baixa Grande, Mundo Novo e Serra Preta.

Ipirá foi “Povoado do Camisão”, “Freguesia de Sant’Ana do Camisão”, “Vila de Sant’Ana do Camisão” até 20 de julho de 1931 – pelo Decreto n° 7.521, de 20 de julho de 1931, passando a chamar-se Ipirá.

Em 2015, já aparentando problemas de saúde, o então prefeito Ademildo Almeida (PT), realizou a Micareta para comemorar os 160 anos de emancipação política e econômica do município e homenageou os 30 anos do Axé Music. Naquele ano, o Ipirá Folia aconteceu nos dias 19 e 20 de abril com uma grade de programação diversificada, com shows de Luiz Caldas, no dia 19, e É o Tchan, no dia 20.

Completam as atrações da festa, as bandas Bahia Show, Bate Staka Elétrico e Chão da Praça. Já no segundo dia, é a vez dos grupos King Size, Xinela de Couro Elétrico e 5 Segundos.

Em 2016, com o afastamento do então prefeito Ademildo para tratamento de saúde, o prefeito interino Aníbal Ramos Aragão, optou por não realizar a festa e organizou um grande São João que atraiu milhares de visitantes para o município, gerando emprego e renda para a população local. A arrecadação anual do município foi de 121 milhões de reais.

Em 2017, mesmo com o município em estado de emergência e com a seca que estava em sua fase aguda, o atual prefeito Marcelo realizou uma micareta que superou todas as expectativas de gastos, mais não teve o retorno financeiro desejado. O tão alardeado “Dinheiro Novo” não ficou em Ipirá. Na festa passaram artistas de renome nacional como; Bell Marques, Nave Louca, Bahia Show, Jammil, Fofokaê, 5 Segundos, Pisrico, Filhos de Jorge e Bahia Show. A arrecadação anual do município foi de 129 milhões de reais.

Em 2018, ano em que Ipirá completa 163 anos, em menos de 48h da data do aniversário da cidade, a expectativa do comercio, bares e ambulantes é frustrada com o comunicado de que não haverá qualquer tipo de comemoração, a não ser “outdoor comemorativo e alvorada” para comemorar os 163 anos de Ipirá nesta sexta-feira (20). Ainda segundo o prefeito, em decorrência de o município estar gastando muito com o fornecimento de água através de carros pipas para abastecer a população do interior no município, “Temos que fazer economia” e para não realizar uma festa pífia, ele prefere concentrar esforços para realizar a Expo Ipirá, Exposição Agropecuária que acontecerá de 1º a 03 de junho.

Caboronga Notícias com imagem via WhatsApp