Em reunião na manhã dessa segunda-feira, 28, com representantes da APLB, a prefeitura de Ipirá fez uma composição para pagamento do piso salarial dos professores. A reunião foi aberta com uma explanação do secretário de finanças do município, Delorme Fernandes, que mostrou a insuficiência dos repasses da União e o crescimento histórico da folha de pessoal da educação, com o que concordou a entidade de classe.

Na oportunidade, o advogado da APLB, Joel Câmara, que também apresentou uma planilha sobre o tema, reconheceu os argumentos do município e propôs uma discussão mais profunda, para que o Município possa ajustar as distorções do passado. A prefeitura tem mantido uma postura de responsabilidade, diante do momento difícil com queda nos repasses federais, para não comprometer a folha de pagamento. O acréscimo no piso será pago em cinco parcelas.

WhatsApp Image 2020-09-28 at 13.57.08 (1) WhatsApp Image 2020-09-28 at 13.57.08 (2) WhatsApp Image 2020-09-28 at 13.57.08

Com informações e fotos da Ascom PMI