quinta-feira, maio 30, 2024

“Quem escolheu o PT já está arrependido”, diz Roma

O presidente estadual do PL, João Roma, avaliou, nesta quarta-feira (12), que muitos eleitores que votaram em Lula nas últimas eleições já estão decepcionados com os rumos tomados pela gestão petista. “Muitos brasileiros que escolheram o PT já estão arrependidos e olhando as dificuldades que a cada dia crescem mais”, disse Roma, em entrevista à Rádio Transbrasil, de Capim Grosso.

O dirigente do PL pontuou que a reação já observada principalmente no Nordeste brasileiro é fruto da gestão baseada em vingança realizada pelo atual presidente da República. “É um presidente imbuído em perseguir adversários. Enquanto isso, o povo sofre com o processo inflacionário e com a insegurança jurídica que afasta investimentos”, comentou o ex-ministro da Cidadania.

Ele comentou que o PT sempre foi hábil em utilizar a comunicação e a estrutura de poder montada no Nordeste em torno deste projeto que dificulta a criação de um cenário que transforme a vida dos cidadãos, dando-lhes autonomia. “Nós, nordestinos, sabemos que somos vítimas de um processo político-histórico e de forças de poder locais que sufocam os esforços para que novos caminhos sejam percorridos”, avaliou.

Roma salientou que o governo petista é especialista em manipular informações e mentir. Foi o que disse o ex-deputado federal ao comentar números da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) que apontariam que no Brasil existem mais de 30 milhões de pessoas estão passando fome. “O PT é bom em mentir e em fazer propaganda. Esses dados não são validados. Se zeraram a fila do Bolsa Família, onde estão esses 30 milhões de pessoas?”, questionou.

O ex-ministro da Cidadania citou, na entrevista, um famoso vídeo em que o presidente Lula admite que, em viagens ao exterior, dizia que o Brasil tinha 30 milhões de crianças nas ruas e argumentava que era importante ter números para mostrar ainda que inverídicos. Roma destacou que, durante o governo de Jair Bolsonaro, as pessoas não deixaram de receber o Bolsa Família, como erroneamente propaga o PT. “Nós triplicamos o valor investido”, disse Roma.

Ao ser perguntado sobre o foco do governador Jerônimo Rodrigues no combate à fome, Roma disse esperar que os esforços do governador tenham bom resultado. “Torço muito para que dê certo, mas até então não dá para enxergar nada a respeito. Vê-se hoje uma Bahia com dificuldades de enfrentar seus principais problemas e que sofre com a escalada terrível da violência”, declarou o presidente do PL na Bahia.

Acorda Cidade

recentes