domingo, abril 21, 2024

Rei Charles 3º é coroado em cerimônia histórica no Reino Unido

FOLHAPRESS – A coroação do rei Charles 3º começou pontualmente às 11h (7h em Brasília) deste sábado (6), na abadia de Westminster, no centro de Londres, capital do Reino Unido. O início foi marcado pelo rei dizendo “Em Seu nome e segundo Seu exemplo, não venho para ser servido, mas para servir”.

Cerca de 2.200 convidados -entre os quais o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o roqueiro australiano Nick Cave e o filho mais novo do rei, Harry, que veio sem a mulher- acompanham o evento, que deve ir até por volta das 13h (9h em Brasília).

Antes, Charles e Camilla, que também será coroada na cerimônia, fizeram um trajeto de 2 km entre o Palácio de Buckingham e a abadia, passando por ruas repletas de fãs que dormiram as últimas noites em barracas improvisadas nas calçadas.

Essa primeira procissão foi feita debaixo de uma chuva fina, que insistiu em molhar a cidade e atrapalhar a vida de quem não arreda o pé das ruas nesse momento histórico. A população tomou os parques da cidade, já que em vários deles foram instalados telões, como no Hyde Park, Green Park e St. James Park, todos nas imediações da coroação.

Os próximos passos da liturgia incluem a apresentação da Bíblia, o juramento de Charles 3º e a unção do rei com um óleo agrado. Depois, ele receberá uma série de objetos símbolos da monarquia: esporas, espada, braceletes, orbe (globo), anel, luva e cetro.

Nesses momentos haverá a participação inédita de membros de outras crenças que não a cristã. Religiosos do judaísmo, islamismo, hinduísmo e sikhismo deverão participar da entrega dos objetos a Charles. Outro ineditismo é a participação do clero feminino, que estará presente com três representantes.

Em seguida, virá a coroação propriamente dita e três rápidos juramentos de lealdade ao rei. O primeiro, da igreja. O segundo, de seu primogênito William, que dirá: “Eu, William, príncipe de Gales, vos prometo minha lealdade, e fé e verdade vos darei, como vosso vassalo de vida e vossa extensão. Então, ajude-me, Deus”.

O terceiro juramento, normalmente reservado à nobreza em geral, a “Homenagem dos Pares”, foi substituído pela primeira vez na história pela “Homenagem do Povo”, ou “coro de milhões”. Trata-se de um convite para que pessoas em todo o mundo, acompanhando pela televisão ou em telões espalhados por Londres, jurem em voz alta sua lealdade ao rei.

O arcebispo da Cantuária, Justin Welby, dirá: “Apelo a todas as pessoas de boa vontade do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, e dos outros reinos e territórios para fazer sua homenagem, de coração e voz alta, ao seu rei indubitável, defensor de todos.”

E o juramento, a ser repetido por quem quiser, é: “Eu juro que prestarei lealdade verdadeira a Vossa Majestade e a seus herdeiros e sucessores de acordo com a lei, com a ajuda de Deus.”

Camilla será coroada na sequência e, às 14h, o casal retornará ao palácio de Buckingham pelo mesmo trajeto da ida. Mas, desta vez, ambos estarão com coroas nas cabeças.

recentes