sábado, junho 22, 2024

Saiba quais são os 06 possíveis candidatos à prefeitura de Ipirá na eleição de 2024

Na conjuntura política atual dois nomes já estão confirmados. Até o momento, o atual prefeito Edvonilson Silva Santos (Dudy), tem dito em diversas ocasiões que não tem interesse em concorrer ao próximo pleito eleitoral.

(Ipirá Negócios) – Sempre que uma nova eleição se aproxima nomes começam a ser ventilados. Boatos e verdades as vezes são plantados no meio político e social com possíveis nomes para entrar na acirrada disputa eleitoral.

Em Ipirá (BA), não seria diferente. Alguns nomes já estão sendo cogitados para participarem da ‘briga’ política e tentar assumir a Prefeitura local a partir de 2025.

No momento, 02 nomes já estão confirmados, e 04 outros nomes são comentados nas rodas de conversa, nos bastidores da política local, como possíveis candidatos à prefeitura do município, nas eleições municipais, que elegem prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, no próximo ano, 2024.

Os meandros, os caminhos sutis da politica local

A princípio, sobretudo para quem não conhece os meandros, os caminhos sutis do teatro, do cenário governamental, vão se sentir surpresos, com alguns nomes apresentados, mas para quem está acostumado com o jogo político, com a movimentação dos bastidores do mundo do poder, vão compreender que todos os nomes citados possuem forte tendência a serem os principais protagonistas da luta acirrada a se desenvolver nos próximos meses, culminando com as eleições 2024.

‘Jacu e Macaco’ dominam o cenário político local

Ipirá, como é histórico e inegável, dois Grupos comandam a política local, sendo eles os Grupos ‘JACU’ e ‘MACACO’.

Até o momento, o atual prefeito Edvonilson Silva Santos (Dudy), tem dito em diversas ocasiões que não tem interesse em concorrer ao próximo pleito eleitoral.

Apoios dos Grupos políticos no nível estadual

Grupo ‘Macaco’ – Vale lembrar que o Grupo ‘Macaco’ tem o apoio do atual Governo do Estado, através do Governador Jerônimo Rodrigues, ainda contando com forte apoio do Senador Otto Alencar e do Deputado Federal Otto Alencar Filho, dentre outros.

Grupo ‘Jacu’ – Já o grupo ‘Jacu’, por tradição tem o apoio do grupo político de ACM Neto (União Brasil), dentre outros.

Grupo ‘Macaco’ sai na frente e já apresenta dois nomes

Nesta data (04/03), dois nomes, ambos do Grupo ‘Macaco’ já estão confirmados, sendo eles:

Nina Gomes – Vice-prefeita, fundadora e diretora da Associação Beneficente Nina Gomes – ABENG. Nina, no momento, está sendo fortemente apoiada pelo seu esposo, o ex-deputado Jurandy Oliveira (Veja aqui).

Thiago do Vale – Advogado e Secretário de Administração de Ipirá. Thiago, no momento, está tendo forte apoio do prefeito Edvonilson Silva Santos (Dudy)

Dois nomes do Grupo ‘jacu’

A reportagem não conversou com os demais nomes citados abaixo. Salientando que dois destes nomes do Grupo ‘Jacu’ já são muito citados nas rodas de conversas, sendo eles:

Joan Batista Forte Empresário local, mais conhecido como Joan do Posto São João

Luiz Carlos Martins Médico, líder politico do grupo ‘Jacu’, já tendo exercido por duas vezes mandato de chefe do Poder executivo (prefeito) de Ipirá

Mais dois nomes do Grupo ‘Macaco’

É preciso salientar, que a reportagem, não conversou com os nomes citados abaixo, mas sendo ‘ventilados’ por pessoas mais entranhadas no poder político local. Ressaltando que estes dois nomes ainda não repercutiram nas rodas de conversa, até o momento presente.

Em decorrência das fontes confidenciais serem confiáveis, a reportagem achou válido a citação de seus nomes, ainda deixando claro, que analisando com mais profundidade a situação, existe lógica em que estes dois nomes voltem a ação direta pela disputa política local. Mas a reportagem se nega a arriscar uma análise mais profunda da razão destes nomes possivelmente voltarem, talvez de forma estratégica ou não, ao confronto direto da situação. Estes nomes são:

Antônio Colonnezi – Medico, líder político do grupo ‘Macaco’, já tendo exercido o mandato de chefe do Poder executivo (prefeito) de Ipirá

Antônio Diomario Gomes de Sá – Advogado, já tendo exercido por duas vezes mandato de chefe do Poder executivo (prefeito) de Ipirá

Analise política vale para o momento presente

Vale destacar, que a reportagem está analisando, tentando enxergar, um momento político, hoje. Lembrando que estamos a cerca de um ano e oito meses das próximas eleições municipais.

A política é muito sistemática e em muitas partes mudável. É preciso lembrar, que com o tempo acordos e ajustes políticos notoriamente podem ocorrer, e novos cenários, não pensados podem ser descortinados.

União faz a Força

O ‘ringue’ político já está sendo descortinado, lembrando que neste tipo de ringue a força bruta tem pouca serventia.

Aqui vale mais a união do Grupo, que precisa se manter unido mesmo que haja fortes desavenças internas, sempre tendo em mente que a vitória está com o grupo que souber superar as rusgas internas, sem precisar se dividir e assim enfraquecer. Depois vem a coragem, a experiência, as estratégias políticas, as vezes sutis, aplicadas ao combate da disputa eleitoral.

Data do pleito eleitoral, no próximo ano (2024)

As datas exatas ainda não foram definidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Porém, o primeiro turno geralmente é marcado para o primeiro domingo de outubro, que será dia 6. Já o segundo turno, acontece no último domingo do mês, que será dia 27.

Por Orlando S. Mascarenhas (Formado em Jornalismo e Direito)
ipiranegocios.com.br

recentes