quinta-feira, fevereiro 29, 2024

SEC e SSP se reúnem com representante de secretários municipais da Educação e apresentam ações contra violência nas escolas

O Governo do Estado da Bahia reforçou que vai assegurar aos municípios baianos todo apoio necessário ao enfrentamento dos boatos e das ameaças às escolas, sejam elas estaduais, municipais ou privadas. Na tarde desta sexta-feira (14), a secretária da Educação, Adélia Pinheiro, e o secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner, reafirmaram esse compromisso durante reunião virtual com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME-BA), representada pela diretora Lucimar Azevedo

A dirigente da UNDIME-BA, que é secretária municipal da Educação em Santana, relatou o crescimento de boatos relacionados a supostas ocorrências de violência em unidades escolares. “As fake news têm sido nosso maior problema. É preciso que, juntos, mantenhamos o equilíbrio para que possamos controlar e combater essa situação”, afirmou a gestora municipal. O Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado da Bahia (SINEPE-BA) foi convidado para a reunião, mas não enviou representante à sede da Secretaria da Educação e nem participou de forma virtual.

Durante o encontro, a secretária Adélia Pinheiro destacou que o governo estadual intensificou o trabalho desde as primeiras ocorrências em outros estados e está em regime de plantão permanente para o atendimento de demandas das escolas estaduais, mas também dos gestores municipais. “Entre as ações que serão implementadas nos próximos dias estão a criação de um Centro de Controle e Comando e um Comitê Intersetorial de Segurança nas Escolas, além da distribuição de uma cartilha com orientações aos trabalhadores da Educação e da Segurança”, pontuou a secretária da Educação.

O secretário Marcelo Werner reforçou a importância do registro de denúncias pelo telefone 181 e do acionamento do 190 em casos concretos de ocorrência de violência. O secretário também disponibilizou um canal direto de telefone e WhatsApp exclusivo para gestores municipais da Educação e diretores de escolas entrarem em contato com a SSP e garantiu que “todas as denúncias estão sendo investigadas de forma célere”.

O Governo do Estado da Bahia reforçou que vai assegurar aos municípios baianos todo apoio necessário ao enfrentamento dos boatos e das ameaças às escolas, sejam elas estaduais, municipais ou privadas. Na tarde desta sexta-feira (14), a secretária da Educação, Adélia Pinheiro, e o secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner, reafirmaram esse compromisso durante reunião virtual com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME-BA), representada pela diretora Lucimar Azevedo

A dirigente da UNDIME-BA, que é secretária municipal da Educação em Santana, relatou o crescimento de boatos relacionados a supostas ocorrências de violência em unidades escolares. “As fake news têm sido nosso maior problema. É preciso que, juntos, mantenhamos o equilíbrio para que possamos controlar e combater essa situação”, afirmou a gestora municipal. O Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado da Bahia (SINEPE-BA) foi convidado para a reunião, mas não enviou representante à sede da Secretaria da Educação e nem participou de forma virtual.

Durante o encontro, a secretária Adélia Pinheiro destacou que o governo estadual intensificou o trabalho desde as primeiras ocorrências em outros estados e está em regime de plantão permanente para o atendimento de demandas das escolas estaduais, mas também dos gestores municipais. “Entre as ações que serão implementadas nos próximos dias estão a criação de um Centro de Controle e Comando e um Comitê Intersetorial de Segurança nas Escolas, além da distribuição de uma cartilha com orientações aos trabalhadores da Educação e da Segurança”, pontuou a secretária da Educação.

O secretário Marcelo Werner reforçou a importância do registro de denúncias pelo telefone 181 e do acionamento do 190 em casos concretos de ocorrência de violência. O secretário também disponibilizou um canal direto de telefone e WhatsApp exclusivo para gestores municipais da Educação e diretores de escolas entrarem em contato com a SSP e garantiu que “todas as denúncias estão sendo investigadas de forma célere”.

A representante da UNDIME parabenizou a iniciativa da reunião e considerou que o governo estadual tem adotado as “providências necessárias” para o enfrentamento deste momento. Na manhã desta sexta-feira (14), o governador em exercício, Geraldo Júnior, reuniu secretários de Estado e dirigentes de órgãos estaduais, em seu gabinete, no Centro de Operações e Inteligência (COI), no Centro Administrativo, em Salvador, para discutir ações de combate e prevenção a ataques e ameaças em escolas públicas e privadas na Bahia.

Secretaria da Educação do Estado da Bahia

recentes