Os professores da Rede Pública Municipal de Ensino do Município de Pintadas decidiram em assembleia junto ao sindicato da categoria, no dia 15 de fevereiro, que o não pagamento do terço de férias até a próxima segunda-feira (20), resultará em uma nova assembleia para discutir a paralização da categoria.

Em virtude dessa decisão, a Prefeitura de Pintadas, através da Secretaria de Educação divulgou uma nota, informando que o terço de férias, que está sendo reivindicado pelos professores, será pago antes de completar o prazo máximo previsto na Lei Federal 8.112/90.

Veja a nota:
Tomando por base a responsabilidade da Prefeitura de Pintadas com o processo educacional e o desenvolvimento do ensino-aprendizagem, bem como com o crescimento do nosso município, vale ressaltar que reconhecemos o direito assegurado em lei, conferido tanto aos professores, como a todo profissional, de reivindicar melhorias para a classe.

Com base nisso e acreditando no bom senso e profissionalismo dos professores que tentam liderar o movimento de paralisação, gostaríamos de reiterar que:
A Prefeitura Municipal de Pintadas e a Secretaria de Educação estão sensíveis às solicitações dos servidores quanto ao pagamento do Terço de Férias;
A Secretaria de Educação em nenhum momento absteve-se do processo de negociação com a categoria de professores;
A secretaria de Educação em nome do Governo “Um Novo Tempo”, garante que o pagamento do Terço de Férias dos professores que eventualmente ainda não receberam, será efetuado o mais breve possível, antes mesmo de completar o período aquisitivo (julho de 2017), prazo previsto na Constituição Federal e na Lei Federal 8.112/90.

Queremos agradecer a compreensão de todos os profissionais da educação e demais servidores deste município.

Essa nota de esclarecimento foi assinada pelo secretário municipal de Educação, Carlos Alberto da Silva Almeida.

Caboronga Notícias com informações do Vr14