No início deste mês, o governador Rui Costa (PT) esteve em Feira de Santana, visitou obras e gravou programa eleitoral com o seu correligionário e candidato à prefeitura, o deputado estadual Zé Neto. No entanto, o chefe do Executivo não participou da convenção do prefeiturável feirense em detrimento do lançamento da candidatura de Luiz Caetano (PT), em agosto.

Agora, outra ausência notada do governador em ato do candidato de Feira foi na carreata realizada pelo petista neste sábado (17). Sem Rui, Zé Neto recorreu ao ex-governador e ex-ministro da Casa Civil, Jaques Wagner.

Em uma postagem na rede social, Zé Neto enalteceu o ex-governador. Disse que, na gestão de Wagner, foram construídos em Feira de Santana: o Hospital da Criança, a Avenida Noide Cerqueira, a Avenida Santo Antônio e as bases comunitárias do George e da Rua Nova. Ressaltou também a construção de residência do programa “Minha Casa Minha Vida”.

Salvador

Apontado como coordenador da campanha de Alice Portugal (PCdoB), o ex-ministro Jaques Wagner teve recentemente seu engajamento na campanha da comunista questionado. Uma fonte do Bocão News indagou: “Se Wagner tivesse realmente assumido a coordenação da campanha estaria na carreata, não é? Ou ao menos estaria com Alice no fim de semana, certo? Mas não estava. Foi a Bonfim, Campo Formoso, foi ao estúdio gravar para candidatos aliados em 40 cidades, enfim, cuidando das eleições na Bahia como um todo – e não só Salvador”.

Alice não era a candidata do PCdoB escolhida nem por Wagner e nem pelo governador Rui Costa. Após pesquisa feita pela cúpula petista, o nome com perfil mais aceito foi de Olívia Santana, por ser negra e ter saído da periferia da cidade. Mas Alice insistiu e não desistiu.

Por Redação Bocão News