O meia Anderson Talisca, ex-jogador do Bahia, deve mesmo reforçar o Liverpool-ING. A transferência é dada como certa, de acordo com diversos jornais lusitanos e ingleses.

Segundo o jornal inglês “Metro”, o jovem Talisca de 22 anos, deve sair por 25 milhões de euros. Algo em torno de 90 milhões de reais. O jornal “Record” noticiou que o brasileiro já aguarda a liberação do visto de trabalho da Federação Inglesa, liberando o atleta a atuar na terra da rainha.

No Benfica, Talisca chegou em 2013 obtendo bastante sucesso, mas depois caiu de rendimento e amargou o banco de reservas na maioria das vezes. Ao longo da temporada, foram apenas três gols em 24 jogos.

Como o Bahia pode se beneficiar com a venda de Talisca?

Simples. A FIFA criou um mecanismo de solidariedade que consiste em: A cada transferência internacional de um jogador, o clube formador do atleta tem direito a 5% dos valores envolvidos. Esse percentual, no entanto, é dividido por todos os clubes pelos quais o jogador passou entre os 12 e 23 anos de idade.

Astro de Feira de Santana, Vasco da Gama e Bahia tem direito a 5% do valor da transferência, que corresponde a cerca de 4,5 milhões de reais. O Astro tem a menor fatia, o Vasco tem um pequeno percentual e o Bahia possui a maior parte, já que o atleta jogou dos 14 aos 19 anos no tricolor.

Redação VN – Foto: Divulgação/ SL Benfica
redacao@varelanoticias.com.br