Desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (13), o movimento de pessoas já era intenso no Centro Administrativo de Ipirá, onde a população já se aglomerava para dar o último adeus ao ex-prefeito Aníbal Ramos Aragão.

O corpo de Aníbal chegou ao plenário da Câmara por volta das 23h desta segunda-feira onde foi velado até as 10h30 desta terça-feira.

Autoridade de diversos seguimentos, políticos aliados e opositores, familiares e milhares de pessoas irmanadas num sentimento de dor e solidariedade se uniram entre abraços, palmas e choros neste momento triste para Ipirá.Por volta das 10h40, ao som da música “A Saga de um Vaqueiro”, sob aplausos e lágrimas, o cortejo fúnebre deixou o Centro Administrativo com destino ao povoado do João Velho, onde o velório continuou na igreja do povoado até por volta das 15h.

Foto de Cristina Villarino

Uma multidão lotou o povoado do João Velho onde ele residia para dar adeus ao “Vaqueiro”. O corpo foi sepultado por volta das 16h sob aplausos lágrimas e frases do tipo “vá com Deus Aníbal, guardaremos o seu legando na nossa memória”.Assim como foram Delorme Martins, Roberto Cintra, Vavazinho, Ademildo Almeida e tantos outros, Aníbal Ramos Aragão entra para a galeria dos políticos imortais na história de Ipirá pela sua seriedade, simplicidade e carisma de homem do campo guerreiro que nunca renegou suas origens. Assim foi, é e sempre será o “Vaqueiro”.

Veja também reportagem no G1BA clicando no link

Caboronga Notícias