quarta-feira, junho 19, 2024

Advogada natural de Ipirá que atua em Camaçari, é vítima de golpe cibernético

A advogada natural de Ipirá/BA Drª Maria Cássia da Silva Gonçalves Araújo, inscrita na subseção de Camaçari Bahia sob o número 51778, vem informar a todos que o Escritório de Advocacia CASSIA GONÇALVES CONSULTORIA E ASSESSORIA JURÍDICA está sendo usado de forma indevida na tentativa aplicar golpe contra os clientes do escritório.

Em nota ela disse o seguinte:

Na última segunda-feira (29), por voltas das 9:40 horas da manhã, tomei conhecimento que meus dados profissionais estavam sendo usado por uma pessoa que se passa por minha secretária, utilizando um suposto nome de Fábia Ribeiro, liga do telefone (71) 9625-0171, informa o seguinte:

“O motivo do meu contato é para informar que o seu Processo está em Fase de Liberação com data prevista para hoje *29/05/2023* É necessário o seu contato em caráter de urgência com a *Drª Maria Cássia da Silva Gonçalves Araújo*Advogada Responsável pelo seu processo” com data prevista para a última *29/05/2023* É necessário o seu contato em caráter de urgência com a *Drª MARIA CÁSSIA DA SILVA GONÇALVES ARAÚJO* Advogada Responsável pelo seu processo”.

“Dra. Maria Cássia da Silva Gonçalves Araújo está trabalhando diretamente no Tribunal de Justiça, então em algumas Localidades não pode Atender o Telefone, mande um “Oi” pelo WhatsApp, que o mesmo irá retornar o seu atendimento.

Vale ressaltar que já foi registrado um Boletim de Ocorrência Nº 335328/2023 pela delegada Maria Danielle Souza Monteiro na 18ª Delegacia de Polícia de Camaçari, como   crime de estelionato.

No momento que o cliente faz contato com a suposta advogada pelo número (71) 99664-0923 (número que foi fornecido pela suposta secretária). A suposta advogada Cássia Gonçalves sempre coma mesma conversa para todos os clientes, informa que o cliente teve a causa ganha no valor de R$ 21.987,00, porém, para que o cliente possa fazer levantamento do alvará judicial, será necessário realizar um deposito na conta ou transferência via pix para um suposto contador judicial de iniciais R. B. L, no valor de R$ 1.543,00 (referente a custas finais do processo).

Vale ainda ressaltar que o telefone que está sendo utilizado pelo(a) suposta advogada  o telefone (71) 99664-0923 cadastrado em Brasília – DF em nome da pessoa de iniciais J.I.F.S.

Já o telefone utilizado pela suposta secretária F. R. utiliza o telefone (71) 99625- 0171 cadastrado em Camaçari – Bahia.

Reforço que o Escritório de Advocacia CASSIA GONÇALVES CONSULTORIA E ASSESSORIA JURÍDICA não solicita informações bancárias dessa forma para os clientes. Caso algum dos senhores recebam contato de alguém alegando ser secretário(a) ou representante do escritório, solicitando dados pessoais ou bancários, não compartilhe nenhuma informação e entre em contato imediato com a advogada Dra. Cássia Gonçalves ou com o Escritório de Advocacia CASSIA GONÇALVES CONSULTORIA E ASSESSORIA JURÍDICA.

Caboronga Notícias com informações e foto da Drª Cássia Gonçalves

recentes