domingo, abril 21, 2024

Cantora baiana se revolta ao ser excluída do Carnaval de Salvador: “A cor dessa cidade não sou eu”

Mariene de Castro soltou o verbo sobre a grade de atrações do Carnaval de Salvador em 2023. A cantora publicou um desabafo nas redes sociais nesta terça-feira (14), ressaltando que não foi convidada pelos órgãos oficiais e ficará fora da folia deste ano.

“Muita gente me perguntando porque estou fora do carnaval de Salvador. Não vejo novidade alguma nisso. Não me lembro a ultima vez que fui convidada para cantar no carnaval de minha cidade pelos órgãos responsáveis pela maior festa do planeta”, escreveu.

“Não me pergunte porque, que eu não vou saber lhe responder. Eu até já me perguntei isso. E até achei que fosse algo da minha competência. Já cheguei a achar que o problema estava comigo. Rs. Mas não tá não. Eu sou do Samba né? Do Samba da Bahia né? Ah tá! O samba da Bahia faz parte do Carnaval de Salvador? Faz? Ah que bom! Então viu”, debochou.

A artista ainda disse que chegou a sofrer intolerância religiosa por conta da representação das religiões de matrizes africanas nas letras de suas canções. “Eu nasci e me criei nessa cidade que nunca deu espaço de dignidade a música que eu faço. Porque? Não sei. Aliás! Deve ser porque canto macumba. Rs já me disseram para parar de cantar essas coisas que é coisa do diabo”, disse.

“Será que é por isso que os cachês que são oferecidos não condizem com as fortunas pagas aos artistas que não cantam com um prato na mão? Acho que não vou mais cantar com prato na mão pra vê se o pessoal entende que eu não tô pedindo esmola.Que eu só quero cantar. Com dignidade. A mesma dignidade de todos. Mas todos é uma coisa que não existe. Nem aqui em Salvador nem em lugar nenhum. Tem gente que come ouro e gente que cata lixo pra comer. É isso. Isso aqui é só pra dizer que eu não estou no Carnaval de Salvador”, explicou.

BNews

recentes