sexta-feira, fevereiro 23, 2024

Haverá queima de fogos na virada do ano em Ipirá

Em virtude do Decreto Emergencial por causa da estiagem em que o município de Ipirá na Bacia do Jacuípe está enfrentando, a prefeitura municipal não realizará este ano, a tradicional festa de réveillon.

No entanto, para a celebração da chegada do novo ano não passar em branco, haverá na noite deste domingo (31) a partir das 00h, acontecerá a queima de fogos, onde um belíssimo espetáculo pirotécnico iluminará o céu da cidade, saudando a chegada de 2024.

Por que soltamos fogos de artifício no Ano Novo?

Um dos momentos mais aguardados do Ano Novo é a belíssima queima de fogos de artifício que acontecem em diferentes regiões do mundo. O costume sempre acontece ao badalar da meia-noite, marcando o início de um novo ano e um novo ciclo. Mas, você sabe de onde surgiu essa tradição?

Origem asiática

Segundo a Cartilha de Segurança do Consumidor de Fogos de Artifício, acredita-se que os fogos tiveram sua origem na China, há mais de 2 mil anos. Naquela época, o costume dos chineses era de utilizar o chamado “fogo químico” na ponta de seus bambus, com o intuito de afastar todos os espíritos malignos durante a passagem do ano.

Chegada ao Brasil

Os fogos de artifício aterrissaram no Brasil junto com os imigrantes italianos e portugueses, há mais de um século. No entanto, por aqui, o item passou a ser utilizado muito além das festividades de final de ano, sendo extremamente comum as pessoas soltarem fogos em eventos esportivos, celebrações religiosas, ou até mesmo eventos particulares como pedidos de casamento ou chá revelação.

Caboronga Notícias com imagem de divulgação

recentes