domingo, abril 21, 2024

Homem que matou mãe e filha é espancado e morto por moradores no distrito de Maria Quitéria

Um homem ainda não identificado morreu na tarde desta quinta-feira (16), no distrito de Maria Quitéria em Feira de Santana. Ele foi espancado e morto por moradores do local depois de assassinar mãe e filha no povoado de Fazenda Água Grande.

Manoella da Silva Santos, de 31 anos, foi agredida com um facão pelo acusado, teve várias partes do corpo lesionadas e um braço decepado. Ela foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu. A filha dela, Kathleen Santos Reis, de 13 anos, também foi agredida a pauladas, com um objeto chamado ‘mão de pilão’ e morreu no local.

A delegada Thiara Martins efetuou o levantamento cadavérico das vítimas e do agressor e contou sobre o que apurou.

Segundo elas, familiares informaram que o homem era primo de Manoella e as circunstâncias do duplo homicídio serão apuradas no decorrer da investigação.

“Uma ocorrência trágica. A filha morreu no local e a mãe chegou a ser socorrida para uma unidade de saúde. Eles se tratavam de primos e eram também vizinhos. A princípio não havia histórico de desavenças. Segundo familiares, o homem apresentava histórico de transtornos mentais, mas nada comprovado documentalmente. Nenhum dos instrumentos usados por eles foram encontrados pela Polícia Civil nem pela Polícia Militar. Ele foi morto por um instrumento contundente, espancado. Serão abertos dois inquéritos na investigação”, afirmou.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

recentes