quinta-feira, abril 25, 2024

Litoral norte de SP tem 970 desalojados e 747 desabrigados após chuvas

Agência Brasil – O município de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo, foi o mais afetado pelos temporais que atingiram a região entre sábado (18) e domingo (19). As áreas de Barra do Sahy e Juquehy estão isoladas em razão da queda de barreiras ao longo da rodovia.

Os serviços de água, luz e telefonia estão comprometidos em razão da queda de postes e a entrada de sedimentos nas estações de tratamento de água. As concessionárias responsáveis atuam para restabelecer o fornecimento dos serviços essenciais. A prioridade é o socorro às vítimas e o fornecimento aos mais de 970 desalojados e 747 desabrigados, informou o governo de São Paulo. Até o momento, foram confirmados 36 óbitos, sendo 35 em São Sebastião e um em Ubatuba.

O governo do estado informou que mais de 500 pessoas, entre servidores das forças de segurança e resgate do governo estadual, das Forças Armadas, da Polícia Federal, da Prefeitura Municipal de São Sebastião e voluntários, seguem empenhadas nas ações de resgate, salvamento e identificação das vítimas.

As atividades começaram no domingo (19) e seguem de forma ininterrupta, com o apoio de 53 viaturas do Corpo de Bombeiros, dois cães especializados na busca de pessoas, 31 maquinários, sete helicópteros Águia, do Comando de Aviação da Polícia Militar e dois aviões do Exército Brasileiro. Mais três helicópteros Águia deverão chegar para auxiliar nos trabalhos.

A Polícia Civil e a Superintendência da Polícia Técnico-Científica reforçaram os efetivos na região para dar mais rapidez aos trabalhos de Polícia Judiciária e de identificação das vítimas. Uma equipe com 40 servidores, entre peritos e auxiliares, atuará no Instituto Médico-Legal (IML) de Caraguatatuba. Doze papiloscopistas, do Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRGD), trabalharão em apoio aos profissionais no IML de Caraguatatuba e no Serviço de Verificação de Óbitos de Ubatuba.

Atendimento às vítimas

A Secretaria de Estado da Saúde informa que 11 pacientes vítimas das chuvas são atendidos nos hospitais da região, em especial nos do litoral norte. Mais quatro estão sendo transferidos para a unidade por meio de helicópteros Águia, da Polícia Militar. Desde ontem, as unidades estão em alerta para receber os possíveis feridos do desastre. Caso necessário, elas poderão abrir leitos extras. Outras unidades de saúde da Baixada Santista, do Alto Tietê e da capital também estão aptas a receber os feridos.

Além de reforçar o atendimento, a secretaria encaminhou um conjunto de insumos para atendimento às vítimas. Foram repassadas 940 bolsas de glicose, 900 de soro, 180 kits intravenosos, 30 de sutura, 30 talas para imobilização, além de sedativos e outros medicamentos.

Estradas

A circulação pela antiga serra da Rodovia dos Tamoios (SP-099) foi liberada após avaliação das encostas pelas equipes técnicas. A estiagem ao longo das últimas horas também foi considerada para a retomada do tráfego. As ações para a desobstrução de rodovias afetadas seguem em andamento pelos técnicos do governo do estado de São Paulo e concessionárias.

Neste momento, as seguintes rodovias estão com pontos de interdição total e parcial:

Total

Rodovia Dr. Manoel Hyppólito Rego (SP-055)

Km 174+500 – queda de barreira

Km 136 ao 142 – queda de barreira e árvores

Parcial

Rodovia Dr. Manoel Hyppólito Rego (SP-055)

Km 188 – erosão; Km 180 – queda de árvore; Km 237 – queda de barreira; Km 066 – queda de barreira; Km 084 – queda de árvore; Km 095 – alagamento; Km 061 – queda de barreira; Km 95 ao 096 – queda de barreira; Km 116 – queda de barreira; Km 164 – queda de barreira;

Mogi-Bertioga

A Rodovia Mogi-Bertioga (SP-098) segue interditada, em razão do rompimento de tubulação, na altura do km 82, em Biritiba Mirim. Também há interdição parcial nos km 90 e 91, devido à queda de barreira; e no km 87, devido a uma erosão. Uma equipe do Departamento de Estradas de Rodagem esteve no local e avalia as obras emergenciais que serão necessárias para recuperação da via.

Caso necessário, os motoristas devem usar como rotas alternativas as rodovias do Sistema Imigrantes/Anchieta (SP-160 e SP-150). Devido a uma queda de barreira no km 174+500 da SP-055, na Praia do Juquehy, o acesso a uma rota alternativa pela Rodovia dos Tamoios está interditado para quem está entre Bertioga e Juquehy.

Abastecimento de água

Os técnicos da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) trabalham para o restabelecimento dos sistemas de abastecimento de água no litoral norte e Baixada Santista. Em São Sebastião e Ilhabela, 14 caminhões-tanque da companhia fazem o abastecimento emergencial até a regularização dos sistemas.

Com a liberação do acesso até Maresias, os técnicos da Sabesp fazem reparos na estação de captação de água. Em Caraguatatuba e Ubatuba, os sistemas de abastecimento também estão em processo de recuperação. Ao todo, 104 técnicos da companhia trabalham, com o apoio de caminhões de hidrojateamento e alto vácuo, seis retroescavadeiras e outros veículos.

Ajuda humanitária

O Fundo Social de São Paulo e a Coordenadoria Estadual da Defesa Civil encaminharam para as cidades da região mais de 10 toneladas em produtos de ajuda humanitária. Entre os itens enviados estão 280 kits de limpeza, 280 kits de higiene, 490 cobertores, 100 sacos de dormir, 460 colchões, 630 cestas básicas, 250 vassouras, 16 mil litros de água, 13 mil copos de água, além de lonas, fitas de isolamento e roupas para os desabrigados e desalojados.

O Fundo Social de São Paulo recebe, a partir das 12h de hoje, doações para as vítimas das chuvas. As principais necessidades, segundo a Defesa Civil, são alimentos não perecíveis, água mineral e roupas limpas e em bom estado para uso. As entregas podem ser feitas no depósito do fundo, localizado na avenida Marechal Mario Guedes, 301, no Jaguaré, zona oeste da capital paulista.

Previsão do tempo

De acordo com os serviços de meteorologia, as áreas de instabilidade começam a perder força, em relação ao fim de semana, na região do litoral norte. A previsão é que o dia seja de sol entre nuvens, com chuvas típicas de verão.

Para São Sebastião e Ilhabela, a previsão é de 35 milímetros (mm) de chuvas. Nas últimas 48 horas, o acumulado de chuvas foi de 649mm em São Sebastião e 346mm em Ilhabela. Em Caraguatatuba e Ubatuba são esperados 25mm de precipitações. Nas últimas 48 horas, choveu 234mm em Caraguatatuba e 342mm em Ubatuba.

recentes