sexta-feira, abril 12, 2024

Neusa Cadore parabeniza campanha do Bahia sobre cultura do estupro

O Esporte Clube Bahia lançou na última sexta-feira (22), em suas redes sociais, a campanha “A culpa é sua, o corpo não”, com objetivo de combater a cultura do estupro e iniciar um diálogo essencial sobre a violência de gênero na comunidade do futebol. A postagem integra as ações iniciadas pela instituição desportiva pela passagem do Dia Internacional da Mulher (8 de março) e foi elogiada na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) pela deputada Neusa Cadore (PT).

“A campanha, que começou no Dia Internacional da Mulher, não poderia ser mais oportuna. Em um vídeo provocativo, o Bahia expôs pensamentos machistas com uma representação visual impactante: uma atriz presa dentro de uma banheira suja, lutando contra o aumento do nível da água a cada frase machista proferida. Uma metáfora potente da luta contra a opressão”, afirmou Neusa, na moção de aplausos apresentada na AL-BA.

Para a deputada, a iniciativa é ainda mais relevante diante do silêncio demasiado comum na comunidade do futebol em relação à violência de gênero. Ela lembrou que, recentemente, as condenações de Daniel Alves, na Espanha, e Robinho, na Itália, foram recebidas com pouca discussão neste meio, destacando a urgência desse debate.

Neusa pontuou que o Esporte Clube Bahia não está sozinho nessa luta e lembrou que, desde 2018, o clube mantém um Núcleo de Ações Afirmativas, dedicado a temas sensíveis como machismo, homofobia e xenofobia. “É louvável ver um clube de futebol usar sua influência não apenas para entretenimento, mas também para abordar questões sociais urgentes. O Esporte Clube Bahia demonstrou compreender seu papel na sociedade, indo além do jogo praticado em campo para promover mudanças reais”, concluiu a petista.

Fonte: Bahia Notícias – Foto: Divulgação/ALBA

recentes