sábado, junho 22, 2024

Unidade de beneficiamento de leite de cabra do Semiárido baiano produz queijos artesanais premiados nacionalmente

Na comunidade Poço de Fora, município baiano de Curaçá, a produção de queijos artesanais de leite de cabra é inovadora e tem assegurado ampliação de mercado e reconhecimento nacional. A Cooperativa Capribéee, formada por produtores e produtoras dos laticínios Mãos de Campo de Jaguarari e Sabor do Sertão de Curaçá produz queijos de massa fresca, queijo fresco, queijos maturados e ricota.

Os bons frutos dessa parceria foram alavancados após o apoio do Governo do Estado por meio do Pró-Semiárido, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com cofinanciamento do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida).

Com um investimento de R$ 360 mil, o Estado forneceu equipamentos e um veículo para ajudar na logística da cooperativa, que tem uma cartela de clientes no interior e um mercado mais amplo na capital baiana. São 72 famílias que asseguram renda a partir do trabalho na agroindústria, com capacidade para processar até 500 litros de leite por dia.

A Capribéee participou do VI Concurso Prêmio Queijo Brasil, realizado de 7 a 10 de julho na cidade de Blumenau-SC, onde foram premiados quatro queijos: o queijo Boursin, com medalha de ouro; o chevrotin, com prata; o Buchette de carvão vegetal, com bronze; e o capela tradicional, com prata. Na competição, a Bahia ganhou 35 medalhas.

O reconhecimento aconteceu durante o Encontro Nordestino do Setor de Leite e Derivados, no município de Vitória da Conquista. Embora não tenha recebido prêmio, o carro-chefe da Capribéee é o queijo Petit Fromage, mas para além dos queijos eles trabalham ainda com a produção de iogurtes de umbu, abacaxi, morango e graviola, além de licores.

Silvia Costa – CAR.

recentes