sexta-feira, junho 14, 2024

Igrejas evangélicas de Feira de Santana se unem em louvores e oração durante Marcha para Jesus

Evangélicos de várias igrejas de Feira de Santana participam neste sábado (20) da 28ª Marcha para Jesus. O evento acontece na Avenida Getúlio Vargas e conta com momentos de oração, louvores e shows.

O pastor Roque Hudson, um dos coordenadores da Marcha para Jesus, disse o Acorda Cidade que o evento foi suspenso no período da pandemia e este ano está sendo retomado com muita alegria e participação das igrejas em unidade. Segundo ele, a previsão de encerramento é às 21h30.

“Destacar a união das igrejas evangélicas. Estamos orando pela cidade para que Deus abençoe a cidade e ela seja cada vez mais próspera, mais abençoada e com menos violência. A Marcha é um momento de louvores, oração e bençãos. É um momento das famílias estarem juntas nas ruas louvando a Deus” , comentou.

O pastor salientou que o evento terá o show da Banda Sonho e Louvor e do cantor Isaías Saad.

O vereador e pastor Valdemir Santos, que também é um dos organizadores da marcha, pontuou que o grande objetivo da iniciativa é abençoar a cidade.

“O objetivo é abençoar a cidade. Tenho dito que esse é o maior evento que Feira de Santana promove, não pelo público e investimento, mas pelo propósito, por interceder, para que Deus possa abrir o céus da cidade, para que possa fazer com que o executivo, o legislativo e as famílias estejam bem. Reunir famílias para buscar a presença de Deus para ter uma cidade bem sucedida”, afirmou.

Ele observou que o evento tem uma estimativa de um investimento de R$270 mil, é financiado em cerca de R$200 mil pela prefeitura e os demais recursos são através de parceria de amigos e outros segmentos.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade | O ex-candidato à presidência da República, Padre Kelmon (PTB) esteve presente no evento.

A apóstola Marlene de Santana Lima, do Ministério Internacional Tabernáculo de Deus estava presente na Marcha para Jesus com as suas filhas e também frisou que um dos diferenciais do evento este ano é a união das associações e igrejas evangélicas. Segundo ela, todas estão unidas na realização da marcha.

“Estamos em unidade e eu já participo da Marcha há muitos anos. Nasci em um lar cristão, venho carregando essa marca e deixando esse legado para as minhas filhas e para as próximas gerações. A Marcha para Jesus é um ato profético e uma declaração pública de que Jesus Cristo é o Senhor e o evangelho de Cristo é transformador”, declarou.

Rafaela de Santana Lima, filha de Marlene, afirmou que tem 37 anos e desde a infância participa da Marcha para Jesus. Ela contou que o que mais está gostando de ver é a unidade das igrejas e o propósito da unidade refletido como a unidade do corpo de Cristo.

“Por um tempo a realização da marcha ficou a cargo de uma associação só e esse ano e gente viu o empenho e a união de todos. Isso para nós é um marco”, enfatizou.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

recentes